CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quarta-feira, 31 de agosto de 2022

Candidato a Deputado estadual Sgt Oséias Silva reúne cerca de 700 pessoas no lançamento de sua candidatura


Cerca de 700 pessoas entre familiares, lideranças e aliados no espaço GRAN RESERVA. Um número bem relevante para um início de semana, ato que mostrou o fortalecimento de sua campanha que há poucos dias foi lançada com uma grande caminhada no bairro 6 de agosto.

Sgt Oséias que assumiu com 19 anos o bairro 6 de agosto sendo presidente por 8 anos declarou: “Estamos fazendo uma campanha limpa para mostrar que é possível uma pessoa crescer na periferia, lidar com a juventude e assumir responsabilidades mesmo sendo jovem, entrei na política por vocação, aprendi nos desbravadores que devemos insistir, persistir e nunca desistir dos nossos sonhos, não quero ser deputado de gabinete, quero ser um deputado que esteja presente nas comunidades e cobre de verdade o poder público melhorias de vida para a população”.

Marcia Bittar discursou pautando temas como, luta contra a legalização do aborto e das drogas, maior rigor nas leis penais e outros assuntos já conhecidos da visão direitista e apoiados pelos candidatos.

“Foi um grande evento e surpreendente” disse mais o candidato a deputado estadual sgt Oséias Silva (PL) feliz com sua militância, relatando sair mais motivado. O evento contou com a presença do pai do candidato, Orlando Bezerra, que é professor e cabo da PM aposentado, além de ex-vereador e ex-secretário de educação do município de Tarauacá. Estava também Gisele Nascimento, ex-vereadora de Rio Branco, representando as igrejas Casa da Bênção no Acre estava o pastor Joabe Gomes (militância cristã), além de demais familiares do candidato que estavam no dispositivo de honra. Oséias vêm fazendo grandes movimentos, mas suas agendas contêm mais visitas a famílias nas comunidades e reuniões com lideranças em diversas regionais do estado.

Receita paga hoje restituições do quarto lote do IR 2022


A Receita Federal paga nesta quarta-feira (31) as restituições do quarto lote do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2022. O lote também contempla restituições de anos anteriores.

Ao todo, 4.462.564 contribuintes receberão R$ 6 bilhões - 4.362.766 não prioritários, que entregaram declarações deste ano e de exercícios anteriores até 30 de maio deste ano.

O restante tem prioridade legal, sendo 7.855 idosos acima de 80 anos; 60.575 entre 60 e 79 anos; 5.514 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 25.854 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

A restituição será paga diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave Pix. Caso o contribuinte tenha entregado a declaração até 30 de maio e não receba a restituição, deve verificar se entrou na malha fina.

Inicialmente prevista para terminar em 29 de abril, o prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física foi adiado para 31 de maio a fim de diminuir os efeitos da pandemia de covid-19 que pudessem prejudicar o envio, como atraso na obtenção de comprovantes. Apesar do adiamento, o calendário original de restituição foi mantido, com cinco lotes pagos de maio a setembro, sempre no último dia útil de cada mês.
Como consultar

A consulta pode ser feita na página da Receita Federal na internet. Basta o contribuinte clicar no campo Meu Imposto de Renda e, em seguida, Consultar Restituição. A consulta também pode ser feita no aplicativo Meu Imposto de Renda, disponível para os smartphones dos sistemas Android e iOS.

Quem não está na lista ou caiu na malha fina pode consultar o extrato da declaração para verificar eventuais pendências. Nesse caso, o contribuinte deverá entrar na página do Centro Virtual de Atendimento da Receita e verificar se há inconsistências de dados. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A restituição fica disponível no banco durante um ano. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contactar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento da Receita por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Da Agência Brasil

TSE proíbe porte de armas em locais de votação nos dois turnos da eleição


O plenário do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) aprovou nesta terça-feira por unanimidade uma restrição ao porte de armas nos dias das eleições deste ano. Pela decisão, o porte de armas de fogo será proibido nas seções eleitorais e no perímetro de 100 metros nas 48 horas que antecedem pleito e nas 24 horas seguintes. A exceção a essa delimitação será feita às forças de segurança que estiverem trabalhando.

A questão do porte de armas foi tratada em uma consulta, relatada pelo ministro Ricardo Lewandowski, apresentada por deputados da oposição no início de julho. A questão foi encaminhada ao TSE após um agente penal bolsonarista matar a tiros um guarda municipal petista em Foz do Iguaçu, durante uma festa de aniversário com temática voltada ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Em seu voto, o ministro destacou uma preocupação com o aumento da polarização e da violência política, e citou o episódio ocorrido em 6 de janeiro de 2021 nos Estados Unidos, quando apoiadores de Donald Trump invadiram o Capitólio. O ministro também mencionou o crescimento do número de armas de fogo em posse de Caçadores, Atiradores e Colecionadores, os chamados CACs.

“Não vejo como deixar de constatar que ao quadro de aumento da violência e da polarização, soma-se a não menos preocupante ampliação da posse e circulação de armas de fogo em todo o território nacional. São alarmantes os números concernentes ao número de armas de fogo em posse da população”, disse o ministro.

Afirmou ainda Lewandowski:

“Nunca é demais lembrar, a propósito, que as eleições constituem, antes de mais nada, uma solenidade cívica, presidida por autoridades civis, em que o povo soberano é instado a manifestar de forma pacífica as suas preferências políticas. Armas e votos, portanto, são elementos que não se misturam.”

Na consulta, os deputados pediam a “proibição da circulação de pessoas portando armas e a entrada nos locais de votação e sessões eleitorais”. O argumento é que a segurança do processo eleitoral, dos eleitores e dos candidatos estão “sob elevado risco, inclusive de vida, num momento em que se agudizam as ameaças e os ataques da turba ensandecida”, conforme o texto. A proposta aprovada pelo TSE nesta terça-feira atualizou uma resolução que já estava em vigor e passou a delimitar que: “no período de preparação e conclusão das eleições, não será admitido o porte de armas nas seções de votação, nem nos locais especialmente tutelados pela lei eleitoral, vedação que se estende a uma área com um raio de cem metros de seu entorno”.

Fonte: o globo

Escola Rosaura Mourão fornece almoço durante o recesso escolar em Tarauacá


A Escola Estadual de Ensino Fundamental Rosaura Mourão da Rocha, localizada no bairro Senador Pompeu, no Município de Tarauacá-Acre, entrou em recesso na última sexta-feira 26, mas ofertará aos alunos almoço nos horários das 11h às 12h.

De acordo com Jocilene Ozório, gestora da escola, “Muitas famílias de nossos alunos passam por necessidades, uma consequência da pandemia. É pensando nessas situações que a escola está ofertando essa refeição”.

Por ExtradoAcre

Com 903 focos de queimadas, Feijó é a cidade com mais registros no Acre

Dos 2.835 focos registrados entre janeiro e 29 de agosto mais de 31% foram atendidos em Feijó.

Corpo de Bombeiros e brigadistas atuam juntos no combate aos incêndios em Feijó — Foto: Arquivo/Brigadistas de Feijó

A cidade de Feijó, interior do Acre, é a região com mais focos de queimadas no estado. Dos 2.835 focos registrados entre janeiro até esta segunda-feira (29) no Acre, 903 foram atendidos em Feijó. Um total de mais de 31% de todas as ocorrências.

Os dados são captados diariamente através do Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) com ajuda do satélite de referência Aqua.

Conforme o Inpe, essas são as cidades do Acre com mais queimadas:


Entre 1º e 29 de agosto, Acre tem um acumulado de focos de queimadas de 2.385. Desse total, 815 foram registrados apenas em Feijó. A cidade tem uma população estimada de mais de 34 mil habitantes.

Ainda segundo o levantamento, as cidades de Feijó, Tarauacá, Acrelândia, Manoel Urbano, Bujari, Cruzeiro do Sul, Jordão e Rio Branco têm o maior número de focos por quilômetro no território acreano.

Feijó é a cidade com mais focos de queimadas no Acre — Foto: Arquivo/Brigadistas de Feijó

Combate

Na cidade feijoense, o combate ao fogo é feito por brigadistas e bombeiros. O coordenador dos brigadistas, Auricélio Dantas, falou que o número de ocorrências aumentou bastante nas últimas semanas.

"Estamos trabalhando muito, não damos conta. Às vezes, atendemos uma ocorrência por dia porque o fogo é de grandes proporções e temos pouco transporte. Estamos com dois caminhões tanque e três caminhonetes e ficamos sem conseguir fazer muita coisa", lamentou.

Brigadistas e bombeiros atuam juntos no combate aos incêndios em Feijó — Foto: Arquivo/brigadistas de Feijó

O município conta com seis brigadistas, que atua como complemento do serviço dos bombeiros. Já o Corpo de Bombeiros da cidade é composto por 19 profissionais.

"É uma equipe com três brigadistas e os bombeiros, mas quando tem um incêndio grande a gente chama os outros [de folga], os bombeiros também de folga para ajudar. Tem dia que entram todos os brigadistas e bombeiros e ainda não damos conta. Aqui o costume de limpar os terrenos é colocar fogo. Colocam fogo, sai do controle e chamam a gente", concluiu.

Por Aline Nascimento, g1 AC — Rio Branco - 30/08/2022

Pesquisa Ipec com eleitores do Acre: Bolsonaro tem 53% e Lula 30% no estado

Foram ouvidas 800 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto em 12 municípios acreanos. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.

Pesquisa Ipec com eleitores do Acre: Bolsonaro tem 53% e Lula 30% no estado — Foto: REUTERS/Carla Carniel

Pesquisa Ipec (ex-Ibope) divulgada na segunda-feira (29) revela os índices de intenção de voto para o cargo de presidente entre os eleitores do Acre. O presidente Jair Bolsonaro(PL) lidera a disputa no estado com 53% das intenções de voto, contra 30% do ex-presidente Lula.

Foram ouvidas 800 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto em 12 municípios acreanos. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Acre sob o protocolo Nº AC09020/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo Nº BR-01886/2022.



Veja resultado


Resposta estimulada e única, em %:

Jair Bolsonaro (PL) - 53%
Lula (PT) - 30%
Ciro Gomes (PDT) - 8%
Vera (PSTU) - 1%
Simone Tebet (MDB)- 1%
Pablo Marçal - 1%
Branco ou nulo - 3%
Não sabem ou preferem não opinar - 4%

Roberto Jefferson (PTB) e Felipe D'Ávila (Novo) não pontuaram.



Pesquisa Ipec: 45% dos acreanos aprovam o governo de Jair Bolsonaro

Avaliação do governo Bolsonaro no estado

O Ipec também perguntou aos eleitores acreanos como avaliam o governo do presidente Jair Bolsonaro (PL). Para 45% é ótimo/bom e, para 28%, é ruim ou péssimo. Outros 27% dizem que o governo é regular e 1% não sabem avaliar.

Por g1 AC — Rio Branco - 30/08/2022

terça-feira, 30 de agosto de 2022

TARARAUACÁ: MPAC ajuíza ACP por improbidade contra prefeita, vice e secretária do município



O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por intermédio da Promotoria de Justiça Cível de Tarauacá, ajuizou ação civil pública por improbidade administrativa contra a prefeita de Tarauacá, Maria Lucinéia, o vice-prefeito, Raimundo Maranguape, e a secretária municipal de Educação, Maria Lucicléia, por frustrar o caráter concorrencial do concurso público nº 02/2019, destinado a formação de cadastro de reserva de professores.

Na ação, o promotor de Justiça Júlio César de Medeiros afirma que os gestores descumpriram a Recomendação nº 003-2022 expedida pelo MPAC, diante da não convocação dos candidatos aprovados no concurso e realização de processos seletivos simplificados, por mera análise curricular, para admissões temporárias, em afronta aos princípios da legalidade, moralidade, impessoalidade e eficiência, além de afronta ao mandamento constitucional do Concurso Público.

A ACP aponta, ainda, que o Núcleo de Apoio Técnico (NAT) do MPAC emitiu um Relatório de Comunicação de Operações Atípicas, no qual concluiu que a Administração Pública Municipal de Tarauacá realizou processo seletivo simplificado sem demonstrar a respectiva necessidade temporária de excepcional interesse público, preterindo de forma deliberada e imotivada, por via oblíqua, a vigência do Concurso Público n. º 02/2019.

Dessa forma, o MPAC pede a condenação dos gestores por violação ao art. 11, caput c/c inciso V, da Lei de Improbidade Administrativa, e aplicação de pena de multa civil no valor de 20 vezes a remuneração percebida por cada um, totalizando 280 mil reais, 180 mil reais, e 160 mil reais, respectivamente.

O promotor justifica o pleito perto do limite máximo em razão da gravidade dos fatos, considerando aspectos como a burla sistemática ao concurso público, omissão dolosa que implicou em Nota de Repúdio pelos professores, o grau de impacto no direito de dezenas de candidatos e os prejuízos concretos à sociedade de Tarauacá pela ausência de professores nas escolas, considerando a necessidade de reprovação e prevenção a atos de improbidade.

(Por Agência de Noticias do MPAC)

TARAUACÁ: Prefeitura pede condenação de promotor argumentando “litigância de má-fé e deslealdade”


Promotor já instaurou diversas investigações contra a prefeitura, e ajuizou três ações civis públicas por possíveis danos ao patrimônio público. Promotor investiga ainda abuso no recebimento de diárias, salários, licitações com indícios de superfaturamento, despesas com combustíveis, nomeações de parentes (nepotismo) e outras potenciais irregularidades praticadas pela prefeita, vice-prefeito, secretários e vereadores. As informações constam no Portal da Transparência do MPAC.

Em retaliação contra a atuação da Promotoria, a prefeitura protocolou denúncia contra o promotor na Ouvidoria do Ministério Público por “perseguição e indevida intervenção no Poder Executivo”. A denúncia tramita em segredo.

Em um dos processos ajuizados pelo promotor (autos 0800025-65.2022.8.01.0014), a Prefeitura justifica que o “Ministério Público interpreta a legislação de forma incorreta” (veja aqui).

ENTENDA OS FATOS:

APromotoria de Justiça de Tarauacá, através do Promotor de Justiça, Júlio Cesar de Medeiros Silva, ajuizou ação civil pública visando declaração de nulidade de processo seletivo simplificado c/c obrigação de fazer com pedido de antecipação de tutela contra a Prefeitura de Tarauacá, prefeita Maria Lucinéia Nery de Lima Menezes (PDT), vice-prefeito Raimundo Maranguape de Brito (PSD), e Maria Lucicléia Nery de Lima (irmã da prefeita e secretária municipal de educação).

No processo, o promotor requereu a “nulidade dos Processos Seletivos Simplificados, realizados pelo Município de Tarauacá, por intermédio de Secretaria Municipal de Educação, objeto do Edital n.º 001/2022/PMTK/SEME, datado de 15/03/2022 e Edital nº. 005/2022/PMTK/SEME, publicado no DOE – ACRE n. 13.270, datado de 25/04/2022, para formação de cadastro de reserva para o provimento dos cargos de professor de licenciatura plena em pedagogia, para atuar na Educação Básica do Sistema de Ensino (1º a 5º ano do ensino fundamental), com lotação em unidades de ensino na zona rural e para provimento do cargo de Professor Mediador, para atender à Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental (…)“.

O MP justificou a nulidade dos processos seletivos por “afronta aos princípios norteadores da Administração Pública, notadamente da legalidade, moralidade, impessoalidade, eficiência, bem como por afronta ao mandamento constitucional do Concurso Público. Também, requer-se a nulidade dos Processos Seletivos, em epígrafe, porque, por meio desses certames simplificados, o Município está realizando contratações temporárias, sob argumento de excepcionalidade no interesse público para atividades ordinárias e regulares, o que é vedado pela Constituição Federal“.

Na contestação, assinada pelo procurador-adjunto, advogado Anderson de Oliveira Rodrigues, a prefeitura afirmou que “No caso em apreço, a realização de concurso público apedido do Parquet é simplesmente inaceitável, não pode o Judiciário compelir a Administração Pública a proceder desse ou daquele jeito, de fazer ou deixar isso ou aquilo, porque essa área deve ser percorrida unicamente pelo Administrador Público (…)” (veja aqui).

“A Recomendação expedida pelo Ministério Público não possui caráter coercitivo e não vincula o Prefeito Municipal, sendo seu teor meramente explicativo (…)”, retorquiu a prefeitura.

Nos pedidos finais, a prefeitura requereu a condenação da Promotoria de Justiça, dizendo que “Reitera, ainda, o pedido constante a petição de fls.365/374, requerendo que o Ministério Público do Estado do Acre seja condenado ao pagamento de multa por litigância de má-fé, em razão da tentativa de induzir o juízo ao erro e ao claro descumprimento do dever de lealdade e boa-fé processual, balizas que foram maculadas pela afirmação inverídica de que o Município é contumaz em descumprir determinações judiciais, alterando-se a veracidade dos fatos, nos termos do inciso II do art. 80 do CPC“.


O processo nº. 0800025-65.2022.8.01.0014, é apenas um dos processos atualmente em andamento contra a prefeitura. Existem ainda inquéritos civis e notícias de fato atualmente em andamento na Promotoria de Justiça, conforme informações do Portal da Transparência do Ministério Público Estadual.

O Promotor de Justiça, Júlio Cesar de Medeiros Silva, investiga ainda possíveis irregularidades no âmbito da Câmara de Vereadores de Tarauacá.

Leia a íntegra da contestação clicando aqui.

TARAUACÁ: EXCELENTE TERRENO À VENDA NO BAIRRO CORCOVADO - PRONTO PARA FINANCIAR

 


Parceria entre Prefeitura e Estado forma 366 crianças no Programa do Proerd


Uma parceria firmada entre a Prefeitura de Tarauacá e o Estado formou no último sábado, 27, formou 366 crianças no Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD) no Ginásio Ruynet Lima de Matos. As aulas ocorreram de forma intensiva durante a última semana.

Referência no Estado, o programa busca prevenir o uso de drogas, pregando o combate a violência e o estreitamento da relação polícia-cidadão. O Programa busca manter estudantes longe das drogas e violência a partir de orientações.

A cerimônia também contou com apresentações de dança e música dos alunos da rede municipal de ensino.

“O PROERD é um programa importantíssimo dentro das nossas escolas com as crianças. Essa parceria aqui é vital porque a educação transforma temos que ensinar aos nossos futuros que são as crianças que as drogas não são um caminho. Sabemos que é muito difícil levar essa mensagem nos dias atuais, mas quando ela vem nesse sentido de levar a paz, sem dúvida nenhuma, conseguimos fazer a sociedade se transformar”, afirmou a prefeita.

“O projeto é a extensão da educação da criança. Trabalhamos para deixá-los longe das drogas e da violência, com orientações lúdicas e dinâmicas, buscando, assim, criar bons cidadãos”, ressaltou o Comandante da PMAC de Tarauacá.

(Assecom/Tarauacá)

Ipec: 47% aprovam gestão do governador Gladson Cameli; e 15% reprovam

36% consideraram a gestão do governador regular e 3% não souberam avaliar.

47% aprovam gestão do governador Gladson Cameli; e 15% reprovam — Foto: Diego Gurgel/Secom

Levantamento do Ipec divulgado nesta segunda-feira (29) e encomendado pela Rede Amazônica mostrou que 47% dos entrevistados aprovam a gestão do governador Gladson Cameli no Acre, 15% reprovam e 36% avaliam como regular.

Veja os resultados da pesquisa:

Ótima/boa: 47%
Regular: 36%
Ruim/péssima: 15%
Não sabe: 3%


Foram ouvidas 800 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto em 12 municípios acreanos. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Acre sob o protocolo Nº AC09020/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo Nº BR-01886/2022.

Pesquisa Ipec: 47% aprovam gestão do governador Gladson Cameli; e 15% reprovam

Por g1 AC — Rio Branco - 29/08/2022

Ipec para o Senado no Acre: Alan Rick tem 29%, Ney Amorim 17% e Marcia Bittar 15% das intenções de voto

Margem de erro é de três pontos percentuais, e o nível de confiança é de 95%.


Alan Rick, Ney Amorim e Marcia Bittar — Foto: divulgação

Pesquisa Ipec divulgada nesta segunda-feira (29), encomendada pela Rede Amazônica Acre, revela que Alan Rick (União Brasil) lidera as intenções de voto para o Senado. Este ano, acreanos elegem apenas um senador.

Resposta estimulada de intenções de voto para o Senado:

Alan Rick (União Brasil) - 29%
Ney Amorim (Podemos) - 17%
Marcia Bittar (PL) - 15%
Dr. Jenilson Leite (PSB) -10%
Dra Vanda Milani (Pros) - 5%
Nazareth Araújo (PT) - 2%
Dimas Sandas (Agir) - 1%
Branco/nulo - 9%
Não sabe/Não respondeu - 12%

Resposta espontânea de intenções de voto para o Senado:

Alan Rick (União Brasil) - 9%
Ney Amorim (Podemos) - 6%
Dr. Jenilson Leite (PSB) - 4%
Marcia Bittar (PL) - 3%
Nazareth Araújo (PT) - 2%
Dra. Vanda Milani (Pros) - 2%
Outros - 3%
Branco ou nulo - 7%
Não sabem ou preferem não opinar - 65%

Sanderson Moura (Psol) e Dimas Sandas (Agir) não pontuaram.

A pesquisa ouviu 800 pessoas entre os dias 26 e 26 de agosto em 12 cidades acreanas. A margem de erro é de três pontos para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Acre sob o protocolo Nº AC09020/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo Nº BR-01886/2022.

Pesquisa Ipec para o senado — Foto: reprodução

Pesquisa Ipec para o senado — Foto: reprodução

Por g1 AC — Rio Branco - 29/08/2022

Pesquisa Ipec no Acre: Gladson Cameli tem 51% e Jorge Viana 27%

A pesquisa ouviu 800 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.


Pesquisa Ipec: veja as intenções de voto para o governo do Acre

Pesquisa do Ipec divulgada nesta segunda-feira (29) pela Rede Amazônica Acre revela os índices de intenção de voto para o cargo de governador do Acre. O candidato do Progressistas, Gladson Cameli, lidera a disputa com 51% das intenções de voto.

A pesquisa ouviu 800 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto em 12 municípios acreanos. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01886/2022.
Gladson Camei (PP) e Jorge Viana (PT) — Foto: Rafaela Rodrigues/CBN Amazônia Rio Branco

Esta é a primeira pesquisa sobre a intenção de voto da Rede Amazônica Acre para governador do estado, após o registro oficial das candidaturas. Foram apresentados como candidatos: David Hall (Agir); Gladson Cameli (PP); Jorge Viana (PT); Mara Rocha (MDB); Marcio Bittar (União Brasil); Professor Nilson (Psol) e Petecão (PSD).

Veja o resultado da pesquisa estimulada:

Resposta estimulada e única, em %:

Gladson Cameli (PP)- 51%
Jorge Viana (PT) - 27%
Mara Rocha (MDB) - 6%
Petecão (PSD) - 5%
Marcio Bittar (União Brasil) - 2%
Professor Nilson (Psol) - 1%
Branco/nulo - 4%
Não sabe/não respondeu - 3%

O nome do candidato David Hall (Agir) é mencionado, mas não atinge 1% das intenções de votos.

Pesquisa espontânea

Pesquisa espontânea e única, em %:

Gladson Cameli (PP) - 38%
Jorge Viana (PT) - 17%
Mara Rocha (MDB) - 3%
Petecão (PSD) - 2%
Marcio Bittar (União Brasil) - 1%
Outros - 1%
Branco ou nulo - 4%
Não sabem ou não preferem opinar - 34%

Os candidatos David Hall (Agir) e Nilson Euclides (Psol) não pontuaram.

Pesquisa Ipec: intenção de votos para o governo do Acre — Foto: reprodução

Pesquisa Ipec para o governo — Foto: reprodução

Por g1 AC — Rio Branco - 29/08/2022 

segunda-feira, 29 de agosto de 2022

TARAUACÁ: MORRE DONA "TEREZA" UMA DAS MAIS ANTIGAS MORADORAS DO CORCOVADO

 

Com pesar que familiares comunicam o falecimento de Dona Maria de Jesus da Silva, aposentada, 84 anos, uma das mais tradicionais moradoras do Bairro Corcovado. Dona "Tereza" como era conhecida, deixa 8 filhos e 34 netos.

O Velório acontece na Travessa Gonçalo Rodrigues, Bairro Corcovado e o Sepultamento previsto para as 17 horas desta segunda feira.

TARAUACÁ: SEBRAE/EMPRETEC ANUNCIA CURSO EMPREENDEDORISMO PARA MICRO E PEQUENOS EMPRESARIOS DO MUNICÍPIO


O Empretec é uma metodologia da Organização das Nações Unidas – ONU que visa o desenvolvimento de características de comportamento empreendedor, bem como a identificação de novas oportunidades de negócios. O Empretec proporciona aos seus participantes a melhoria no seu desempenho empresarial, maior segurança na tomada de decisões, a ampliação da visão de oportunidades, dentre outros ganhos, aumentando assim as chances de sucesso empresarial e, por consequência, reduzindo significativamente as possibilidades de fracasso. 

Descrição

O Empretec é uma metodologia da Organização das Nações Unidas – ONU que visa o desenvolvimento de características de comportamento empreendedor, bem como a identificação de novas oportunidades de negócios.

Sendo uma capacitação eminentemente comportamental, o Empretec proporciona aos seus participantes a melhoria no seu desempenho empresarial, maior segurança na tomada de decisões, a ampliação da visão de oportunidades, dentre outros ganhos, aumentando assim as chances de sucesso empresarial e, por conseqüência, reduzindo significativamente as possibilidades de fracasso.

TARAUACÁ: 

O Curso em Tarauacá será destinado a Microempresa, Empresa de pequeno porte, em formato presencial, com duração de 60 horas, no período de 26 de setembro a 01 de outubro de 2022, das 8 às 18 horas.
CUSTO: R$ 500,00

Pré-inscrição AQUI

Em Tarauacá, Jorge, Marcus e Nazaré reafirmam compromisso com povos indígenas


Jorge Viana (PT), Marcus Alexandre (PT) e Nazaré Araújo (PT) fizeram questão de iniciar a jornada pelos municípios indo a Feijó e Tarauacá, cidades nas quais o Partido dos Trabalhadores sempre teve maioria dos votos, mostrando a confiança que os moradores da região têm no trabalho realizado por Jorge Viana e demais lideranças da sigla.

Em Feijó, foi realizada a inauguração do comitê e reabertura do comitê de Tarauacá. Jorge Viana fez questão de priorizar um encontro com os indígenas da região para reafirmar seu compromisso com os povos originários.

Os candidatos visitaram a aldeia do povo Huni Kuin, no Igarapé do Caucho. Os caciques Antonio da Silva Kaxinawá e Nasso Huni Kuin entregaram um documento para Jorge Viana.

“Nosso compromisso, meu e do Marcus, é voltar aqui na aldeia logo depois que formos eleitos governador e vice para discutir alternativas para ajudar esses povos que hoje vivem sob ameaça, em parte pelo próprio governo federal e que estão abandonados pelo governo do Estado, sem assistência por meio de políticas pública”, afirmou o candidato ao governo.

Jorge Viana ressaltou que os povos indígenas precisam ser respeitados, protegidos. Destacou ainda que os indígenas são representantes de uma cultura milenar e têm uma trajetória muito bonita.

“No nosso governo, vocês sabem que nós cuidamos dos indígenas, respeitando cada povo. Desenvolvemos políticas públicas como os agentes agroflorestais, dando apoio na ampliação da educação, saúde, produção. As aldeias protegem as terras e devemos valorizar isso. Já fiz muito e quero fazer ainda mais”, declarou.

(Por Assessoria.)

TARAUACÁ: Servidoras participam de ações de conscientização e enfrentamento à violência contra a mulher


A Prefeitura de Tarauacá, por meio da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres, realizou nesta sexta-feira, 26, palestras e rodas de conversa com as servidoras do município. O evento ocorre em razão do Agosto Lilás que é um mês dedicado à conscientização e enfrentamento à violência contra a mulher.

Servidores e colaboradores das equipes de obras, educação e meio ambiente participaram de uma palestra no início da semana para tratar da necessidade de coibir esse tipo de ato.

A prefeita Maria Lucinéia lamentou a necessidade de abordar o tema, já que muitas mulheres ainda são vítimas de feminicídios e violência.

“É inadmissível pensar que ainda ocorram barbaridades contra as mulheres. Nosso município figura em terceiro nesse triste ranking, mas esse encontro de hoje é fundamental para que as servidoras conheçam todas as possibilidades e que, em caso de uma situação dessas, saibam para onde direcionar as vítimas", afirmou.


A coordenadora de Mulheres, Socorro Araújo, destacou a importância das políticas públicas de combate à violência contra a mulher.

“Precisamos intensificar para que sempre se faça a denúncia, pois não podemos mais perder nenhuma mulher para a violência. Quero agradecer a gestão por investir em políticas públicas para as mulheres e destacar o apoio de agentes públicos como os integrantes da Patrulha Maria da Penha e da Promotora do MPAC que tem uma atuação destacada no enfrentamento a esse tipo de violência”, afirmou.

(Assecom/Tarauacá)

domingo, 28 de agosto de 2022

TARAUACÁ: Posses dos professores municipais é uma conquista com assinatura do MP

A prefeita de Tarauacá , Maria Lucineia (PDT), deu posse a 26 novos professores da rede municipal de ensino, mas faltou na festa o principal convidado, o promotor de Justiça Júlio César de Medereiros. Que graças ao seu zelo e empenho pelo cumprimento da Carta Magna, os docentes foram contratados.

A atual gestão havia deixado o certame vencer, lançou editais para contratações provisórias. O que foi imediatamente combatido pelo MP. Levando a notícia ao conhecimento da Justiça, com pedido de nulidade dos referidos editais e a contratação dos aprovados. O que foi feito com a decisão judicial.

Muitos dos educadores ali presentes, no ato da posse, já labutam em sala de aulas faz anos, por meio de seletivos, que tem dia e hora para acabar. Geralmente dois anos, no máximo. Onde o humor político de cada gestor fala mais alto.

Por Daniela Araújo, Estado do Acre

TARAUACÁ: ALTEMIR SAMPAIO FOI O VENCEDOR DA VIGÉSIMA PRIMEIRA EDIÇÃO DO FESTIVAL DA CANÇÃO TARAUACAENSE.


Altemir Sampaio interpretando a música "Viajante do Tempo' de sua autoria,  foi o grande vencedor da Vigésima Primeira Edição do Festival da Canção Tarauacaense - FECANTA, realizada na noite deste sábado (27) no palco da Praça Municipal Auton Furtado. Ao todo, 19 inscritos concorreram ao prêmio de dois mil reais reais. Altemir é de uma família tradicionalmente musical. O artista participou da primeira edição do FECANTA realizada nos anos 80.


O Sinteac em parceria com a Associação Giovanni Acioly foram os organizadores do evento. Os recursos para a realização do evento, são provenientes de uma emenda parlamentar do Deputado Estadual Jenilson leite. Uma banda base contratada pela organização fez arranjos e acompanhou os 19 artistas nas apresentações finais. 


O já consagrado cantor e compositor Augusto Pires, vencedor de várias edições do festival, ficou em segundo lugar com a composição de sua autoria "Onde o amor Seja Mais Amor". 


O prêmio de terceiro lugar foi dividido entre Randerson Brasil que cantou a música 'Filhos do Sol" e Gilmar Nobre com a música 'Consciência'. 


O prêmio revelação foi para o novato Enderson Galdino com a composição 'Tentei viver".


Durante o festival foram homenageados os amigos Dagoberto Guimarães, Eurico Paz e Hiton Cash que faleceram recentemente. Giovanni Acioly que tocou vários festivais, foi homenageado pelo cantor Lucas Lima que interpretou a música 'Volta Pra Mim" uma das composições do cantor que faleceu no final do ano de 2020.

O primeiro lugar recebeu premiação de R$ 2.000,00
O Segundo lugar ficou com R$ 1.500,00
Terceiro lugar recebeu R$ 1.000,00
O premio revelação foi de R$ 500,00

sábado, 27 de agosto de 2022

TARAUACÁ: HOJE TEM FESTIVAL DA CANÇÃO NA PRAÇA MUNICIPAL - EDIÇÃO 2022

 


Moisés Diniz denuncia que servidores estão sendo coagidos a apoiar deputados


O presidente do Solidariedade no Acre e candidato a deputado estadual Moisés Diniz usou as redes sociais para fazer uma denúncia. De acordo com ele, servidores públicos estão sendo coagidos a apoiar a reeleição de deputados.

Moisés Diniz, que foi integrante do PCdoB do Acre por mais de 30 anos e participou de todos os governos do PT e da extinta Frente Popular, disse que a prática de “obrigar servidores” voltou.

“Estão repetindo as práticas do PT: obrigando servidores públicos a apoiar deputados. Depois não reclamem da reação”, disparou Moisés.

Dos 24 deputados estaduais, 19 concorrem à reeleição. Quatro deles vão disputar uma vaga em Brasília. Roberto Duarte, Gerlen Diniz e Meire Serafim concorrem à Câmara. Jenilson o Senado. Jonas Lima não disputa a reeleição.

O Notícias da Hora entrou em contato com Moisés Diniz. Questionamos se estas pessoas estão ligadas ao governo Gladson Cameli e quais deputados estariam requerendo esse “apoio”. O candidato visualizou nossas mensagens via WhatsApp, mas permaneceu em silêncio.

"Obs. è meu povo, essas práticas são usados em todos os partidos".

Da redação do Notícias da Hora

sexta-feira, 26 de agosto de 2022

TARAUACÁ: ESCOLAS DA REDE ESTADUAL DE ENSINO ENCERRAM PRIMEIRO SEMESTRE- RECESSO DE DUAS SEMANAS INICIA NA PRÓXIMA SEGUNDA FEIRA


Uma Audiência Pública realizada na tarde desta quinta feira (25) na Escola Estadual Edmundo Pinto com a presença da equipe gestora e pais de estudantes, marcou o encerramento das atividades do primeiro semestre do ano letivo de 2022. 


O Diretor Francisco Souza fez uma explanação do trabalho durante o semestre e agradeceu a participação das famílias e dos profissionais que trabalham na escola. A Coordenadora do Núcleo da SEE, Professora Janaina Furtado esteve presente.


A partir da próxima semana, todas as escolas da Rede Estadual estão de recesso por duas semanas.

Homem fica com víceras expostas ao ser esfaqueado dentro de quarto de motel em Rio Branco

Francisco de Castro Lima Filho, de 43 anos, foi ferido com vários golpes de faca no início da noite desta quinta-feira (25), dentro do quarto de um motel localizado na Avenida Antônio da Rocha Viana, no bairro Vila Nova, em Rio Branco.

Segundo informações da polícia, Francisco estava sozinho dentro de um quarto do motel, quando foi surpreendido por dois homens que invadiram o local e entrou em luta corporal com a dupla.

Crime ocorreu nesta quinta-feira (25)/Foto: ContilNet

De posse de facas, os agressores desferiram vários golpes em Francisco, que foi ferido por todo o corpo, principalmente no abdômen, que ocasionou a exposição das vísceras de Francisco. Após a ação, os criminosos fugiram do local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) enviou uma ambulância de suporte avançado para prestar os primeiros atendimentos a Francisco, que foi encaminhado ao pronto-socorro de Rio Branco, em estado de saúde gravíssimo.

Policiais Militares do 3° Batalhão também estiveram no local, colheram as características dos acusados e realizaram ronda na região, mas ninguém foi encontrado.

A motivação do crime é desconhecida pela polícia. O caso segue sob investigação dos agentes de Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE), da Delegacia Especializada de Investigação Criminal (DEIC).

(Por ContilNet)

TARAUACÁ: Prefeita Maria Lucinéia empossa 26 professores aprovados em concurso público


A prefeita de Tarauacá, Maria Lucinéia, e o vice-prefeito, Raimundo Maranguape, empossaram nesta quinta-feira 26 profissionais da educação aprovados em concurso público, para iniciar o trabalho nas escolas da zona rural do município.

O ato de posse reuniu, além dos concursados, familiares dos novos professores, o presidente da Câmara, Chico Batista, parlamentares e a equipe da Secretaria de Educação.

A nova equipe, que foi aprovada no certame, atenderá os alunos da zona rural que se encontra nos anos iniciais na educação infantil.


"O maior legado que cada um de vocês pode deixar é o de transformar o destino das nossas crianças. Quando vocês chegarem nas escolas saibam que vocês são as lideranças daquela comunidade. Até hoje me lembro da história do Conselheiro do TCE, Ronald Polanco, que veio lá da zona rural e teve a vida mudada por uma professora. Saibam que vocês podem mudar o futuro das nossas crianças. Me sinto honrada em participar desse momento”, afirmou a prefeita.

A secretária de Educação, Maria Lucicléia, destacou a importância da convocação e afirmou que nos próximos dias mais professores serão chamados. Na Câmara, a gestora afirmou que a gestão trabalha para reformar todas as escolas da zona rural até o final do mandato.

"Fico feliz em participar desse momento impar para cada um de vocês. Nesse um ano e oito meses de gestão, já fizemos todas as reformas das escolas da zona urbana e agora iremos para as escolas de difícil acesso que ficam na zona rural. Não temos como chegar em todas de uma vez, mas iremos com planejamento e gestão a cada uma escola da zona rural", afirmou.

Por Lucas Vitor
Assecom/Tarauacá

TSE volta a proibir celular, mesmo desligado, na cabine de votação


O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reverteu hoje (25), por unanimidade, flexibilização anterior e decidiu que o eleitor não pode, em hipótese alguma, levar o celular para dentro da cabine de votação, sob pena de cometer crime eleitoral e de ser conduzido pela polícia.

Tais aparelhos devem ser retidos pelo mesário antes que o eleitor chegue à cabine, informou o TSE. Nesta quinta-feira, os ministros responderam a uma consulta feita pelo partido União Brasil sobre o assunto, em face de mudanças na resolução que trata a questão.

A consulta foi feita após uma mudança na resolução sobre as disposições gerais das eleições. Na norma que disciplina o pleito deste ano, foi incluído trecho segundo o qual os celulares e outros aparelhos eletrônicos “deverão ser desligados ou guardados, sem manuseio na cabine de votação”.

A redação é diferente da de resoluções dos pleitos anteriores, em 2018 e 2020, nas quais a previsão era de que os aparelhos ficariam sob a guarda da mesa receptora ou seriam mantidos em outro local de escolha do eleitor.

Ao responder a consulta, os ministros seguiram o entendimento do presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes, que considerou ser impossível permitir que o eleitor mantenha o celular no bolso, por exemplo, uma vez que o mesário não poderá entrar na cabine de votação para conferir se o aparelho está ligado ou desligado.

“Houve uma flexibilização do TSE em determinado momento, permitindo que se entrasse [com o celular na cabine], desde que desligado, que estivesse no bolso. Constatou-se que isso não é satisfatório, uma vez que o mesário não pode ingressar na cabine de votação, que é indevassável, para verificar se o eleitor ligou ou não o celular”, afirmou Moraes.

A proibição de uso de celulares, ou de qualquer outro equipamento capaz de registrar ou transmitir o ato de votação, foi aprovada pelo Congresso em função do risco de quebra do sigilo do voto. Por essa razão, Moraes mencionou que o eleitor que desrespeitar a determinação e entrar na cabine com celular, poderá ser enquadrado no Artigo 312 do Código Eleitoral, que prevê pena de até dois anos de detenção para quem "violar ou tentar violar o sigilo do voto".

De acordo com Moraes, comandantes das polícias militares de alguns estados manifestaram ontem (24), em reunião na sede do TSE, preocupação com a violação do sigilo do voto, por exemplo, em regiões de milícias, onde o eleitor poderia ser obrigado a registrar se votou em quem os criminosos determinaram.

Após a manifestação de Moraes, os demais ministros seguiram integralmente o entendimento, incluindo o relator da consulta, Sergio Banhos. Uma campanha educativa deverá ser elaborada de imediato pelo TSE para informar o eleitor sobre a proibição, incluindo cartazes a serem afixados nas seções eleitorais.

Ficou determinado ainda que os mesários podem e devem reter celular ou qualquer outro aparelho capaz de registrar ou transmitir o voto. A resolução sobre o assunto será modificada na sessão plenária da próxima terça-feira, de modo a não gerar dúvidas, decidiram os ministros.
Detector de metais

Também por unanimidade, os ministros do TSE decidiram ser possível o uso de detectores de metais nas seções eleitorais, desde que a medida seja justificada pelo juiz eleitoral diante de alguma situação excepcional.

“Sabemos que, no Brasil, nós temos, em algumas jurisdições eleitorais, situações precárias, e não podemos deixar o juiz eleitoral sem essa ressalva necessária”, disse a ministra Cármen Lúcia durante o julgamento.

(Agência/Brasil)