CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

domingo, 31 de maio de 2020

TARAUACÁ: CASAL DE EMPRESÁRIOS FAZ AGRADECIMENTOS AOS SEUS FUNCIONÁRIOS


O casal de empresários tarauacaenses proprietários da Drogaria "Viver Bem", Bubu e Everlândia, mostraram toda a gratidão dediada aos seus funcionários. Eles fazem um importante agradecimento profissional a toda a equipe de trabalho.

Everlândia proprietáris da Drogaria Viver Bem

"Quando se reúne uma equipe competente é quase certo que os frutos valerão a pena ser colhidos.

Mas vocês superaram todas as expectativas e foram ainda mais longe que o previsto.

E é por isso que hoje o nosso Parabéns vai especialmente para cada um de vocês, os funcionarios sao parte essencial dentro de uma empresa, afinal sem eles nada seria possivel! cada um dentro da sua função, contribui para que os resultados sejam alcançados, se encaixando como peças de um quebra-cabeca. Partes que se unem e se complementam!

E hoje queremos agradecer o empenho e dedicação de todos vocês , pois tudo que está sendo conquistado é parte do esforço de cada um... Recebam nosso sincero agradecimento e desejamos que continuem conosco nessa caminhada rumo a excelência, pois nosso sucesso é uma conquista coletiva !

Gratos somos por darem aqui o seu melhor.

É um orgulho compartilhar nosso local de trabalho com profissionais tão capazes e dedicados. Empenho e Competência são talvez as melhores palavras que descrevem cada um de vocês.

Se continuarem trabalhando com esse profissionalismo, disposição e dedicação é seguro que o futuro de todos será brilhante. Mais uma vez parabéns! .

Que possamos reconhecer sempre que nao conquistamos nada sozinhos, por isso agradecemos a vocês nossos parceiros de caminhada:
Ana
Cleisso
Dagmar
Elza
Francisco
Maria
Maida
Neto 
Raely

O sucesso e o reconhecimento que estamos adquirindo é fruto do nosso esforço empregado diariamente , sem sacrifício e trabalho duro nada se consegue, e toda esta equipe é prova disso. 

O caminho pode ter sido difícil, às vezes até demais. Mas todos souberam manter a confiança uns nos outros e nunca desistiram ou afastaram o olhar da meta.

Agradeçemos por todas as conquistas que alcançamos juntos, por todas as dificuldades que conseguimos superar e em nome de Jesus esse momento dificil na qual nosso Brasil enfrenta tambem vai passar e todos sairemos ilesos.

Emfim, Ao dividirmos o trabalho multiplicamos as possibilidades de triunfo. Esta conquista é de todos, e cada um de nós hoje está de parabéns!!!!

Obrigada a cada um de vocês pela parceria que Sejamos todos abençoados em nome de JESUS! Que Deus proteja a nós todos e a familia de cada um.

Um grande abraço!"

Bubu & Everlânia

JORDÃO: MUNICÍPIO CONTINUA SEM CASOS DE COVID-19


TARAUACÁ: PREFEITURA ANUNCIA ENCERRAMENTO DA BARREIRA DE INSPEÇÃO SANITÁRIA






TARAUACÁ: BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO APONTA 227 CASOS CONFIRMADOS E 95 CURADOS DE COVID 19


ACRE: ESTADO JA TEM 6.219 CASOS CONFIRMADOS E 2.611 CURADOS DE COVID 19

Boletim Sesacre deste domingo, 31, sobre o coronavírus

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde, confirma 147 casos novos de coronavírus neste domingo, 31. Desse modo, o número de infectados saltou de 6.072 para 6.219 em todo o estado.

No Estado até o momento são 13.566 notificações de infecção por coronavírus, sendo 7.257 (53,5%) descartados e 90 seguem aguardando resultado de exames. Dos 6.219 casos confirmados, 2.611 já estão de alta, ou seja, estão curados da doença.

A Sesacre também informa o registro de mais seis óbitos por Covid-19: três do sexo masculino e três do sexo feminino. Assim, o número de mortes pela doença aumentou de 142 para 148.

As mulheres são:

O primeiro caso é da paciente E. S., de 75 anos. Ela deu entrada no dia 28 deste mês no Hospital Regional do Juruá e veio a óbito no dia 29. Era residente em Cruzeiro do Sul, sem registro de comorbidade.

O segundo óbito é de B. S., de 67 anos, com entrada no dia 18 de maio no Pronto-Socorro, era residente de Porto Acre e morreu neste sábado, 30. A paciente possuía comorbidades como diabetes e hipertensão arterial.

O terceiro é M. O. B., de 75 anos, foi internada no dia 25 na Upa do Segundo Distrito e veio a óbito neste domingo, 31. Residente de Rio Branco, a idosa possuía hipertensão arterial.

Os homens são:

J. S., de 86 anos, veio a óbito no último dia 26 no Hospital Regional do Juruá, onde estava internado desde o dia 23 deste mês. Ele era residente de Cruzeiro do Sul e possuía registro de hipertensão arterial.

S. J., de 83 anos, deu entrada no dia 27 deste mês na Upa do Segundo Distrito e veio a óbito no sábado, 30, era residente do município de Porto Acre, e possuía registro de hipertensão arterial.

O terceiro óbito foi registrado neste domingo, 31, sendo uma criança de apenas 4 anos de idade. O garoto D. E. J. S., deu entrada no Pronto-Socorro, na última sexta-feira, 29, com complicações de dengue, e faleceu na manhã deste domingo, 31, em decorrência de infecção por dengue e Covid-19, simultaneamente.

Confira o boletim na íntegra:


Rio Branco, AC, 31 de maio de 2020.
Secretaria de Estado de Saúde do Acre

Com sanção do PLP 39/2020, Municípios devem receber primeira parcela dos R$ 23 bilhões em junho

O repasse de uma parte dos R$ 23 bilhões da União para Municípios contornarem os efeitos do novo coronavírus pode ocorrer nos próximos 15 dias. O Projeto de Lei Complementar (PLP) 39/2020 foi sancionado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira, 27 de maio, e publicado hoje como Lei 173/2020 no Diário Oficial da União (DOU). Segundo a equipe do Ministério da Economia, para o repasse do recurso, será necessária a publicação de Medida Provisória (MP) para liberar crédito extraordinário e viabilizar transferência, além de ajustes e procedimentos entre o Tesouro Nacional e o Banco do Brasil.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) comemora a conquista e destaca que, para receber os valores, os Municípios deverão renunciar às ações judiciais ingressadas contra a União após 20 de março deste ano em um prazo de 10 dias, contados da data da publicação no DOU. Além do montante, a ser creditado na conta do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), estão suspensos, até dezembro, pagamentos de dívidas previdenciárias com o Regime Geral de Previdência Social (RGPS) e da contribuição patronal dos Regimes Próprios (RPPS). Essa suspensão será regulamentada pelo Ministério da Economia, e, para a contribuição patronal, o prefeito deverá aprovar Lei municipal.

Outros pleitos da Confederação atendidos na Lei são: extensão do decreto de calamidade pública federal a todos os Entes da Federação; securitização de contratos de dívida; e dispensa dos limites e condições do Sistema Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (Cauc) enquanto durar a pandemia. Acerca do último ponto, os gestores municipais comemoram que terão garantido o recebimento de transferências voluntárias e o acesso a operações de crédito ainda que o Município esteja inscrito em cadastro de inadimplência ou não atenda a algum critério da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Perdas de receitas

Apesar de reconhecer a relevância e urgência das medidas, a CNM alerta que os valores previstos recompõem apenas 30% da queda de arrecadação prevista para este ano. Segundo levantamento, divulgado em nota, haverá uma redução de R$ 74,4 bilhões na receita municipal. Isso porque:
- o ICMS já caiu 24% em abril e poderá ter uma queda de R$ 22,2 bilhões até o final do ano;
- o Fundeb deve ter uma redução próxima a 30%, o que representa R$ 16,3 bilhões a menos;
- o FPM, de julho a dezembro, pode cair em torno de R$ 5,89 bilhões;
- o ISS deve reduzir em R$ 20 bilhões;
- e o IPTU e o ITBI sofrerão queda de, em média, 25%, o que configura perda superior a R$ 10,1 bilhões.

Vetos

O texto sofreu quatro vetos:
- o primeiro ao parágrafo 6 do artigo 4º, que impedia a União de executar garantias e contragarantias das dívidas decorrentes de operações de crédito interno e externo celebradas com o sistema financeiro e instituições multilaterais de crédito - desde que a renegociação tenha sido inviabilizada por culpa da instituição credora. A motivação do veto foi que o não pagamento negativa os Entes perante organismos multilaterais e encarece operações futuras. Além da indefinição no texto da forma de recuperação dos valores que a União teria que eventualmente honrar em 2020;
- o segundo ao parágrafo 6 do artigo 8º, que excetua diversas categorias da condição de congelamento. A justificativa é que ele permite o aumento na economia de despesa na ordem de R$ 88 bilhões, saindo de de R$ 42 bilhões para R$ 130 bilhões.
- o terceiro ao parágrafo 1º do artigo 9, que que previa o pagamento das parcelas suspensas da dívida previdenciária no RGPS para o fim do refinanciamento. O novo prazo deverá constar no regulamento; 
- e o quarto ao parágrafo 1º do artigo 10, que estendia a suspensão do prazo de validade dos concursos públicos homologados até 20 de março para todos os concursos públicos federais, estaduais, distritais e municipais da administração direta e indireta.

Tramitação

Chamado de Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus, o PLP teve uma tramitação marcada por impasses e mudanças no texto. Nas votações na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, o movimento municipalista lutou por versão favorável à gestão local. O prazo limite para sanção era 27 de maio, mas prefeitos, governadores e parlamentares articularam com o governo para que a proposta fosse sancionada o quanto antes.

Na semana passada, a CNM se reuniu com o Ministério da Economia e os governadores estiveram com o presidente da República, Jair Bolsonaro. Em acordo, ficou definido que, como contrapartida, não haveria reajuste aos servidores públicos até dezembro de 2021.

Entenda como ficam os R$ 23 bilhões aos Municípios:

- R$ 3 bilhões para ações de saúde e assistência social, distribuídos por critério populacional. Valor pode ser utilizado na contratação e no pagamento de pessoal ligado ao Sistema Único de Saúde (SUS) e ao Sistema Único de Assistência Social (Suas);

- R$ 20 bilhões para uso definido pela gestão local. 

Primeiro, serão divididos os R$ 30 bilhões aos Estados considerando arrecadação do ICMS, população, cota no Fundo de Participação dos Estados (FPE) e contrapartida paga pela União por isenções fiscais de exportação. A partir dessa divisão, serão distribuídos os R$ 20 bi entre os Municípios de cada Estado por critério populacional.


Por Amanda Maia

TARAUACÁ: MUNICÍPIO DEVE RECEBER SETE MILHÕES PARA AÇÕES CONTRA CORONA VÍRUS



Do total de R$ 63 bilhões do auxílio emergencial que o Governo Federal está destinando aos entes federais, R$ 23 bilhões são para as prefeituras do Brasil contornarem os efeitos do novo coronavírus.

Esse repasse pode ocorrer nos próximos 15 dias e, da parte que cabe ao Acre, Rio Branco ficará com R$ 67.938.018,48, a maior fatia. No outro extremo está Santa Rosa do Purus, que tem direito a R$ 1.090.827,19.

O município de Tarauacá deverá contar com um repasse de R$ 7.099.883,96 (sete milhões, noventa e nove mil, oitocentos e oitenta e três reais e noventa e seis centavos), para combate ao novo corona vírus.

O Projeto de Lei Complementar 39/2020 foi sancionado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, na quarta-feira passada, 27 de maio.

Segundo a equipe do Ministério da Economia, para o repasse do recurso, será necessária a publicação de Medida Provisória para liberar crédito extraordinário e viabilizar transferência, além de ajustes e procedimentos entre o Tesouro Nacional e o Banco do Brasil.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) comemorou a conquista e destaca que, para receber os valores, os Municípios deverão renunciar às ações judiciais ingressadas contra a União após 20 de março deste ano em um prazo de 10 dias, contados da data da publicação no DOU.

Além do montante, a ser creditado na conta do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), estão suspensos, até dezembro, pagamentos de dívidas previdenciárias com o Regime Geral de Previdência Social (RGPS) e da contribuição patronal dos Regimes Próprios (RPPS). Essa suspensão será regulamentada pelo Ministério da Economia, e, para a contribuição patronal, o prefeito deverá aprovar Lei municipal.

com informações do Ac24horas
Confederação Nacional dos Municípios

MPF alerta prefeitos do interior do Acre sobre obrigatoriedade de atendimento de saúde a indígenas


Negar atendimento a indígenas com Covid-19 pode configurar crime e improbidade

O Ministério Público Federal enviou, na noite deste sábado, 30 de maio, ofícios em caráter de urgência com alertas aos prefeitos de Santa Rosa do Purus e Manoel Urbano, no interior do Acre, para alertá-los sobre a obrigatoriedade da prestação de saúde aos indígenas que chegarem em seus municípios, independente de residirem em aldeias. Os prefeitos têm 24 horas para instruir todos os servidores do sistema de saúde em suas cidades sobre esta obrigatoriedade, bem como atender à requisição de informações,em 48 horas, sobre a forma como está acontecendo o atendimento aos indígenas nas respectivas redes municipais.

Segundo o procurador da República responsável pelas requisições, Lucas Costa Almeida Dias, foi apurado, e amplamente divulgado pela mídia local, que apesar das medidas tomadas pelas autoridades, e pelos próprios indígenas, já estão confirmados casos de contaminação em aldeias da região, especificamente pessoas das etnias Madiha e Jaminawa. Uma das pessoas contaminadas é uma indígena técnica de saúde, que apresentou sintomas após atender 21 aldeias da Terra Indígena Alto Rio Purus.

A situação torna-se extremamente preocupante com a notícia de que a coordenação do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) do Alto Purus determinou o fechamento da única casa de passagem que atende esses povos, por suposta contaminação. Diante dessa informação, o MPF requisitou também que o 4º Pelotão Especial de Fronteira faça a desinfecção da casa de passagem indígena em Santa Rosa do Purus.

De acordo com o MPF, negar atendimento de saúde a indígenas pode configurar crime (art. 135 do Código Penal) e ato de improbidade administrativa (art. 11 da Lei n. 8.429/92), sendo que as atribuições do DSEI de atendimento nas aldeias não desobriga as redes municipais ao atendimento, como a qualquer pessoa não-indígena, Dessa forma, as unidades de saúde nos municípios devem atender os pacientes indígenas que as procurem e, se a complexidade do atendimento exigir a transferência para unidade hospitalar de outro município, o transporte deve ser providenciado pela própria unidade que atende o indígena, conforme aponta o Plano de Contingência Nacional para Infecção Humana pelo Novo Coronavírus (Covid-19) em Povos Indígenas.

Por Assessoria

Oi é autuada por apagões na telefonia no Juruá e Tarauacá/Envira


Nesta sexta-feira, 29, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor do Acre (Procon/AC) autuou a empresa Oi pela má prestação de serviços agregados ao sistema de telefonia na região do Juruá e Tarauacá/Envira

Com a coleta de diversas denúncias foi identificado o descumprimento de esclarecimentos aos consumidores, além da desconformidade com a legislação específica que dispõe sobre o eficaz fornecimento de serviço público.

Constatou-se inúmeras interrupções na rede de telefonia e internet, especificamente nas últimas semanas, onde 3 apagões causaram transtornos a população e prejuízo a economia local, principalmente neste período de pandemia do Coronavírus (Covid-19), onde a comunicação tornou-se um serviço essencial para todos os setores da sociedade.

A autuação contou com o apoio da Promotoria de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público do Acre. A referida empresa de telefonia possui o prazo de 10 dias para apresentar a sua defesa.

Além de multa, a Oi pode sofrer diversas penalidades, como intervenção administrativa, cassação de licença da atividade e revogação de concessão ou permissão de uso.

Com informações da assessoria do Procon/Acre.

Torcidas organizadas convocam ato antifascista neste domingo em São Paulo 30/05/2020 às 18h04 - Por Redação

Torcedores fazem protesto na Avenida Faria Lima. Foto: Reprodução

Torcidas organizadas, militantes de partidos de esquerda e movimentos sociais convocaram um ato na Avenida Paulista, cartão postal de São Paulo, para este domingo (31) em defesa da democracia.

“Acredito que todos estejam percebendo que uma onda meio estranha está passando pelo país e ela está tentando dominar as ruas também. Uma onda de autoritarismo, que exalta a tortura e a ditadura, expressa violência com profissionais da saúde e jornalistas, e que quer levar a nossa democracia”, diz trecho do manifesto intitulado Somos Democracia divulgado nas redes sociais. A concentração será às 12h em frente ao Masp.

O movimento ressalta a importância de se atentar aos cuidados e recomendações das autoridades de saúde, mas aponta a necessidade de se mobilizar contra o autoritarismo. O manifesto traz a seguinte frase de Martin Luther King: “o que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons”.

No início do mês, ganhou grande repercussão a mobilização de torcedores do Corinthians que foram até a Avenida Paulista para impedir uma ato bolsonarista. O grupo também trazia o lema “Somos Democracia”.

Leia o manifesto divulgado pelas torcidas organizadas:

SOMOS DEMOCRACIA

Acredito que todos estejam percebendo que uma onda meio estranha está passando pelo país e ela está tentando dominar as ruas também. Uma onda de autoritarismo, que exalta a tortura e a ditadura, expressa violência com profissionais da saúde e jornalistas, e que quer levar a nossa democracia.

Martin Luther King, disse: “o que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons”.

Atentos com os cuidados e recomendações das autoridades de saúde, os bons precisam se manifestar também, e por isso, Domingo (31) estaremos às 12h no MASP para fazer a nossa manifestação em defesa da democracia e da vida.

OBRIGATÓRIO USO DE MÁSCARA!

Polícia Militar prende homem que mantinha mulher e filhos em cárcere privado em Rio Branco


A Polícia Militar do Acre (PMAC), por meio do 1º Batalhão, prendeu um homem de 40 anos que mantinha sua esposa e os dois filhos, de 11 e 10 anos de idade, em cárcere privado em sua residência no bairro Tucumã. O fato ocorreu na tarde deste sábado, 30, e teve o apoio da Companhia de Cães do Batalhão de Operações Especiais (CPCães/Bope).

Acionados via Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), os militares chegaram em frente a um residencial onde mora a irmã da vítima, que relatou que estava com sua irmã, esposa do envolvido, e os dois filhos, quando seu cunhado chegou. Segundo ela, no momento em que sua irmã abriu a porta, seu cunhado entrou e a ameaçou com uma arma de fogo, então ela se trancou no quarto e gritou por socorro e o homem saiu e levou a esposa e os filhos.

Os policiais se deslocaram até o local informado, onde encontraram o homem e a esposa que se negavam a sair da casa, juntamente com os dois filhos. No diálogo iniciado pelos militares, o indivíduo também negava as acusações. Iniciou-se uma negociação, coordenada pelo tenente-coronel Giovane Galvão, comandante do Batalhão da área, até que, com a chegada se sua advogada, o homem resolveu se entregar.

De acordo com os militares, durante o processo de negociação, apesar de a mulher dizer que estava tudo bem, era notável em seu semblante que estava com medo.

Durante as buscas na residência, com a ajuda do cão policial, foi encontrada uma trouxinha de maconha e, em uma caixa de gordura, o revólver Taurus calibre .32 no modo “engatilhado”, com cinco munições intactas e uma percutida. No interior da caminhonete do suspeito, foram localizados ainda uma barra de ferro com aproximadamente 65 centímetros, um terçado com bainha e uma machadinha.

O homem foi encaminhado para a delegacia, onde informou ser usuário de entorpecente, que fazia tratamento e não estava sob o efeito de tais substâncias naquela ocasião. Os itens apreendidos na ocorrência também foram apresentados na delegacia, para que as medidas cabíveis fossem tomadas.

Assessoria de Comunicação PMAC


POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO ACRE
Assessoria de Comunicação da PMAC
Facebook | Instagram | (68) 3213 1945

Procuro uma colônia para comprar em Tarauacá


Contato: 
68 992105286
992105940. 
Uarlei Lima

sexta-feira, 29 de maio de 2020

TARAUACÁ: PROFISSIONAIS DE SAÚDE DO MUNICÍPIO RECEBEM CAPACITAÇÃO PARA ATENDIMENTO AOS PACIENTES COM COVID-19


Como mover um paciente de um lugar para o outro? Quais cuidados e precauções se deve ter? Que aparelhos utilizar? Será que estou tomando todos os cuidados necessários para o transporte de paciente com coronavírus? 


Essas e outras perguntas foram respondidas na manhã desta quinta-feira, 28, através de uma equipe composta por membros da Secretaria Estadual de Saúde, Serviço de Atendimento de Urgência (Samu) e Conselho Regional de Medicina, que estiveram em Tarauacá. 


Profissionais de Tarauacá passaram por uma qualificação promovida por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que com o apoio do  e da Secretária Estadual de Saúde. 


De acordo com a Gestora do Hospital Sansão Gomes Psicóloga Laura Pontes, Durante 4 horas foi realizada a capacitação sobre o manejo clínico de pacientes acometidos pela Covid-19, paramentação e desparamentação. "Foi um dia muito produtivo para a equipe do Hospital Sansão Gomes e Maternidade de Tarauacá. Tivemos a capacitação de Manejo do paciente vítima de COVID-19, manejo de corpos, paramentação, desparamentação e fluxo assistencial. Obrigada a equipe da SESACRE, pelo suporte dado a toda nossa equipe", disse a gestora.

O manejo e o transporte de paciente com suspeita ou caso confirmado de coronavírus em um hospital é uma preocupação constante dos profissionais de saúde, tendo em vista a facilidade na transmissão da doença. São profissionais que estão na linha de frente, prestam um serviço importante nas unidades e, portanto, mantê-los saudáveis é de interesse de todos.

Além do treinamento, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), enviou ao hospitai Sansão Gomes, em Tarauacá, respiradores de transporte para o manejo dos pacientes caso haja necessidade de transferência.

Com informações do Hospital Sansão Gomes
Agência de Notícias do Acre

quinta-feira, 28 de maio de 2020

TARAUACÁ: Idosa morre por falta de assistência, acusa família



Revolta e tristeza na família da dona Marieta da Conceição, de 83 anos. A idosa morreu nessa última quarta-feira, 27, no município de Tarauacá. A indignação dos familiares é de que, segundo eles, Marieta só não sobreviveu por falta de assistência. Apesar de estar contaminada com a Covid-19, a família garante que a idosa faleceu em casa por falta de uma ambulância para levá-la ao hospital e não apenas pela doença propriamente dita.

Segundo Gerlivone Oliveira, neta de dona Marieta, a avó começou a passar mal e com falta de ar. O primeiro contato como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi feito às 9 horas da manhã. A ambulância chegou com uma médica, disponibilizada pelo Hospital Sansão Gomes. É então que começam diferentes versões.

Ao chegar na residência de Mariete, a médica disse que era preciso levar a idosa para internação. A família conta que como não havia um acompanhante, já que todos da casa foram diagnosticados com Covid-19, a equipe do Samu se negou a levar a paciente para a unidade hospitalar.

“Eles falarem que foi a família que não deixou, é mentira. A gente tava desesperado porque a minha avó estava com falta de ar, passando mal e estava até ficando com os pés roxos. Eles se negaram a levar porque não tinha um acompanhante. São um bando de desumano”, relata Gerlivone Oliveira, aos prantos.

A idosa permaneceu em casa. Com o passar das horas, o estado de saúde de dona Marieta foi piorando. Preocupada, a família pediu ajuda de uma vizinha para acompanhar Mariete até o hospital. Ao ligar pedindo ambulância, a surpresa. Foram informados de que não havia ambulância, já que a mesma havia ido levar um paciente grave para Cruzeiro do Sul.

“Quando foi meio dia, a gente pediu para uma vizinha que não tava contaminada acompanhar minha avó até o hospital. Quando ligamos, disseram que não tinha Samu porque tinha ido para Cruzeiro do Sul. Eu denunciei ao Ministério Público e falei com a diretora, que não fez nada e ainda disse que a família tinha se recusado, o que é mentira. Eu ainda liguei mais cinco vezes desesperada para o Ministério Público. Isso, fora as vezes que ligamos para o Corpo de Bombeiro, taxista, polícia e não conseguimos levar minha avó para o hospital. Quando a ambulância foi chegar, já era seis horas da tarde e minha avó já tinha morrido. Nunca imaginei sentir uma dor dessa. Presenciar a minha avó morrendo sem puder ajudar”, diz a neta, sem conseguir segurar o choro mais uma vez.

A diretora do Hospital Sansão Gomes, em Tarauacá, Laura Pontes, confirmou que uma das ambulâncias que serve ao hospital levou um paciente em estado grave para Cruzeiro do Sul. Ocorre que o município tem outra ambulância em perfeitas condições, mas que não atende os casos de urgência, deixando de salvar vidas por falta de equipe.

“No primeiro atendimento, eu pedi uma médica para acompanhar. Infelizmente, a família não permitiu que ela fosse trazida para o hospital por falta de acompanhante. Entendendo da gravidade da situação novamente, buscamos a outra ambulância do Samu com outro técnico plantonista do hospital e também um motorista do município, pois não havia nenhum motorista para socorrer neste momento. Quando foi à noite, o município me disponibilizou um motorista, mas, infelizmente, quando a equipe chegou ao local a senhora havia falecido”, explica Laura Pontes.

A família informou que o resultado do exame realizado após a morte da idosa deu positivo para Covid-19.

POR AC24HORAS

Mailza agradece projeto Todos pela Saúde pelo envio de respiradores e EPIs ao Acre


A parlamentar entrou em contato com a instituição no começo da pandemia para solicitar ajuda ao estado por meio do projeto Todos Pela Saúde, iniciativa do banco Itaú; governador Gladson Cameli agradeceu empenho da senadora em salvar vidas

A chegada de nove respiradores e equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para ajudar o Acre, no combate à pandemia do Covid-19, doados pela Fundação Itaú Unibanco foi comemorada pela senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC) que vem atuando e somando esforços no enfrentamento da pandemia. Mailza agradeceu a instituição bancária pela doação por meio do projeto Todos Pela Saúde, uma parceria público-privada do Banco Itaú e Hospital Sírio-Libanês.

“Neste momento, a chegada destes respiradores é extremamente importante para a saúde dos acreanos diante da pandemia do coronavírus. Esses equipamentos salvarão muitas vidas em nosso estado. Muito obrigada ao acionista da Fundação Itaú, o pediatra José Luiz Setúbal, pela parceria. Por meio do Dr. Marcos Kisil, professor da USP e um dos nomes mais influentes da filantropia no mundo, estabelecemos uma parceria incrível e estamos elaborando projetos para melhorar a Primeira Infância em nosso Acre”, disse a parlamentar.

O governador do estado, Gladson Cameli, agradeceu o apoio e o carinho da senadora Mailza Gomes. “A senadora Mailza é uma grande parceira do povo acreano. Sempre disposta a ajudar, trazendo recursos para nosso Acre. Esses equipamentos vão ajudar bastante a nossa gente. Agradeço de coração. Estamos juntos para salvar a vida de nossa gente”, agradeceu Gladson Cameli.

A senadora relembrou que no início da pandemia fez contato com o Itaú e solicitou que o Acre fosse ajudado. “Falei da necessidade e que o Acre precisava muito desses equipamentos. Os responsáveis fizeram contato com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) e hoje vemos essa parceria concretizada que muito vai contribuir no enfrentamento ao Covid-19. O sentimento é de felicidade ver esse material chegar ao Acre e poder ajudar a nossa gente”, destacou a parlamentar.

Além dos respiradores, a fundação enviou para o estado no último sábado, 23 (vinte e três) galões de álcool em gel, 53.800 (cinquenta e três mil e oitocentas) máscaras cirúrgicas, 62.200 (sessenta e dois mil) pares de luvas, 1.800 (mil e oitocentas) máscaras N95, 40.400 (quarenta mil e quatrocentos) aventais e 720 (setecentos e vinte) óculos. Todos os equipamentos foram destinados às unidades de referência para Covid-19 em Rio Branco, Cruzeiro do Sul e Brasileia.

O que é o projeto Todos Pela Saúde

Todos pela Saúde é uma iniciativa do Itaú Unibanco que está ajudando os estados brasileiros com a doação de equipamentos, contratação de profissionais e auxílio no fortalecimento do atendimento na rede pública hospitalar no enfrentamento à Covid-19.

ASSESSORIA

TARAUACÁ: EM LIVE, PREFEITA FALA NA POSSIBILIDADE DE REABERTURA GRADUAL DO COMÉRCIO NO MÊS DE JUNHO


Em live realizada no inicio da noite desta quinta feira, 28 de maio, a prefeita Marilete Vitorino fez um balanço da situação e da luta contra a propagação do coronavírus no município de Tarauacá.


O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde aponta um crescimento de apenas 10 casos comparados com o dia de ontem. Essa "freada" deve-se em grande parte, à falta de testes rápidos no município,  problema que deve esta sendo resolvido pelos governos. Tarauacá hoje tem 220 casos positivos, com 73 pessoas curadas, 3 óbitos, 2 internados e 342 em observação domiciliar.


DÉCIMO TERCEIRO:


Na oportunidade, Marilete anunciou que mesmo com dificuldades por conta da diminuição e até sequestro dos repasses, os salários que são de responsabilçidade da prefeitura estão sendo pagos em dia. A prefeitua anunciou ainda, que metade do décimo terceiro referente ao ano de 2020, deverá ser creditado nas contas dos servidores no dia 10 de junho.


REABERTURA DO COMÉRCIO:


Em relação ao comércio, fechado por causa da pandemia, a prefeita disse que no inicio de junho poderá adotar medidas de flexibilização para a reabertura gradual do comércio. "Sei da dificuldades que todos estão passando em honrar com seus compromissos, porém, as medidas foram necessárias para evitar o crescimento maior do Covid-19 no município. Apartir de 1º de junho poderemos adotar medidas para reabertura do comércio", disse. 

Tarauacá: Polícia prende homem com arma de fabricação artesanal na BR


Em mais uma operação para coibir crimes na BR -364, sentido Tarauacá/ Cruzeiro do Sul, a Polícia Militar prendeu M.M . S, de 33 anos, com uma arma de fabricação caseira cal. 32. 

Segundo a PM, o homem estava levando a arma para membros de uma facção que residem numa comunidade na rodovia federal. M.M.S estava na companhia do “famoso” Jonh, que já tem a ficha corrida nos registros policiais. Para livrar o parceiro do cárcere, ele assumiu o crime. 

Ele foi conduzido com a arma para DP para os procedimentos cabíveis e deverá responder pelo ato. 

Portal Tarauacá

Boletim Sesacre desta quinta-feira, 28, sobre o coronavírus

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) registra 349 novos casos de contaminação por coronavírus nesta quinta-feira, 28. Em 24 horas, o número oficial de casos confirmados subiu de 5.251 para 5.600.

Até o momento, são 12.401 notificações de infecção por coronavírus, sendo 6.507 casos descartados e 294 estão aguardando análise laboratorial.

A Sesacre também informa o registro de mais nove óbitos por Covid-19. São seis homens e três mulheres com idades entre 51 e 86 anos. Assim, o número de mortes pela Covid-19 salta de 113 para 122.

Os homens são:

S. B. B., 51 anos, que deu entrada no dia 23 deste mês no Pronto-Socorro de Rio Branco, falecendo no dia 28. Na sua declaração de óbito, o médico não mencionou registro de comorbidades.

F. Z. R., 81 anos, que foi internado no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre no dia 15 de maio, tendo falecido no dia 26. Não há registro de comorbidades na sua declaração de óbito expedida pelo médico.

J. O. S., 62 anos, que deu entrada no dia 7 de maio no Pronto-socorro de Rio Branco e morreu no dia 27. Na sua declaração de óbito consta que ele tinha agravo de hipertensão arterial.

A. G. M., de 69 anos, que entrou na UPA do Segundo Distrito no dia 25 de maio e falece no dia seguinte, 26 de maio. Como comorbidade, o médico que assinou a declaração de óbito registrou que ele tinha problemas renais crônicos.

A. M., 78 anos, deu entrada na UPA do Segundo Distrito no dia 25 de maio, falecendo no dia 27. Ele tinha como agravo hipertensão arterial sistêmica.

P. F. F., de 83 anos, que foi internado na UPA do Segundo Distrito no dia 20 de maio e faleceu no dia 28. Como comorbidades, segundo a declaração de óbito assinada pelo médico, o registo é de doença pulmonar e insuficiência cardíaca.

As três mulheres são:

D. G. B., de 67 anos, que deu entrada no dia 24 de maio e morreu no dia 26, na UPA do Segundo Distrito. Segundo o médico que expediu a declaração de óbito, ela era ex-tabagista.

M. A. O., de 76 anos, que deu entrada na UPA do Segundo Distrito no dia 25 de maio e morreu no dia 27. Na sua declaração de óbito assinada pelo médico, há registo de agravo por hipertensão arterial sistêmica.

M. F. L., de 86 anos, de Senador Guiomard, foi internada na UPA do Segundo Distrito no dia 26 de maio e faleceu no dia 28. Não há registro de comorbidades na sua declaração de óbito expedida pelo médico.

Confira o boletim na íntegra:


Rio Branco, AC, 28 de maio de 2020.
Secretaria de Estado de Saúde do Acre

Texto base do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego é aprovado

© Marcello Casal JrAgência Brasil

Medida valerá no período de calamidade pública devido à pandemia 

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou em sessão virtual o texto base da Medida Provisória 936/2020, que institui o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda. O dispositivo permite, durante o período de estado calamidade pública devido à pandemia do novo coronavírus, a suspensão do contrato de trabalho por até 60 dias e também possibilita a redução de salários e da jornada de trabalho pelo período de até 90 dias..

A Câmara vota neste momento destaques apresentados à MP. Após a finalização da votação, a medida segue para apreciação do Senado Federal.

Conforme previsto na MP, o governo compensa parte da perda na remuneração aos trabalhadores do setor privado por meio do seguro desemprego conforme média salarial. O trabalhador também tem direto à “garantia provisória” pelo mesmo tempo do afastamento ou da redução de jornada depois do estado de calamidade.

A MP, modificada no parecer do relator deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), foi elogiada pelos parlamentares como iniciativa emergencial para manter empresas em funcionamento e preservar empregos com carteira assinada ou estabelecidos por meio de contratos de aprendizagem e de jornada parcial.

Entre as alterações, Orlando Silva acrescenta a possibilidade de pagamento de salário original de trabalhadoras grávidas se o parto ocorrer durante o período de redução ou suspensão do contrato de trabalho.

Por Agência Brasil* - Brasília
Com informações da Agência Câmara de Notícias

Parceria garante capacitação de profissionais de saúde em Feijó e Tarauacá

Como mover um paciente de um lugar para o outro? Quais cuidados e precauções se deve ter? Que aparelhos utilizar? Será que estou tomando todos os cuidados necessários para o transporte de paciente com coronavírus? Essas e outras perguntas foram respondidas na manhã desta quinta-feira, 28, por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que com o apoio do Conselho Regional de Medicina e da Secretária Estadual de Saúde, realizaram uma capacitação aos profissionais dos município de Tarauacá e Feijó, no interior do Acre.

Capacitação é sobre o manejo clínico de pacientes acometidos pela Covid-19 Foto: Cedida.

São 26 profissionais de Tarauacá e Feijó passando por qualificação de 4 horas com o apoio do Samu e do CRM-AC. A capacitação é sobre o manejo clínico de pacientes acometidos pela Covid-19, paramentação e desparamentação.

“Queremos auxiliar esses profissionais que estão na linha de frente e que têm contato direto com esses pacientes quanto à prestação de um serviço com segurança, tanto para eles quanto para os pacientes”, explicou Emanuelle Nóbrega da assessoria do Centro de Operações Emergenciais da Sesacre.

Treinamento foi realizado em Feijó e Tarauacá Foto: Cedida.

O manejo e o transporte de paciente com suspeita ou caso confirmado de coronavírus em um hospital é uma preocupação constante dos profissionais de saúde, tendo em vista a facilidade na transmissão da doença. São profissionais que estão na linha de frente, prestam um serviço importante nas unidades e, portanto, mantê-los saudáveis é de interesse de todos.

Além do treinamento, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), enviou aos hospitais Sansão Gomes, em Tarauacá, e Geral de Feijó, respiradores de transporte para o manejo dos pacientes caso haja necessidade de transferência.

“Sabemos que o hospital de referência para atendimento de casos graves de toda a região do Juruá fica em Cruzeiro do Sul e que os municípios de Feijó e Tarauacá são localizados a mais de 250 quilômetros de distância. A dificuldade de locomoção de um paciente que necessite de ventilação seria impossível sem os respiradores móveis. Com a chegada desses equipamentos, estaremos mantendo o compromisso de garantir o atendimento necessário e a vida de quem precise dos serviços de saúde do estado”, destacou Muana Araújo, coordenadora regional de Saúde.

AGÊNCIA-ACRE

TARAUACÁ: Idosa de 86 anos é a terceira vítima fatal de covid-19 NO MUNICÍPIO


Uma mulher de 86 anos morreu vítima de covid-19 em Tarauacá nesta quarta-feira (27) em casa, no bairro da Praia, logo após fazer o exame no Hospital Sansão Gomes e testar positivo para a doença.

A gerente da unidade, Laura Pontes, confirmou o óbito da mulher por coronavírus. Ela é a terceira vítima fatal de covid-19 em Tarauacá. O nome da vítima não foi divulgado.

Nesta quarta-feira, a cidade registrou mais 10 casos positivos e o número de infectados subiu para 210. Por outro lado há 70 pessoas curadas do novo coronavírus no município.

Gilson Amorim
Notícias da Hora

FEIJÓ: MUNICÍPIO SEGUE COM APENAS 7 CASOS CONFIRMADOS DE COVID-19


TARAUACÁ: FAMILIATRES COMUNICAM O FALECIMENTO DO EX POLICIAL CIVIL RAIMUNDO FURTADO


Com pesar, que familiares comunicam o falecimento do Policial Civil aposentado, Raimundo Nonato Furtado de Araújo. 

O mesmo estava em tratamento na cidade de Rio Branco e morreu ontem, quarta feira, 27/05, por insuficiência pulmonar. 

O sepultamento foi realizado hoje 28/05, às 13:30 em Rio Branco - Ac.

Quase 2 mil pessoas diagnosticadas com coronavírus receberam alta médica no AC


Em 24 horas, 192 pessoas se livraram dos sintomas e receberam alta

O número de pessoas curadas do coronavírus no Acre já chega a quase 2 mil, de acordo com o último Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) emitido nesta quarta-feira (27).

São 1.944 altas médicas já registradas, de 5.251 casos confirmados.


Em 24 horas, 192 pessoas se livraram dos sintomas e receberam alta.

O órgão informou também que 3.133 pessoas estão cumprindo isolamento domiciliar.

ASCOM

TARAUACÁ: EM BOLETIM PREFEITURA ANUNCIA QUE DOS 210 CASOS POSITIVOS, 70 PESSOAS JA ESTÃO CURADAS DE COVID - 19


Governo do Acre comemora aprovação do PL de Emergência Cultural na Câmara dos Deputados

O Governo do Acre, por meio da Fundação de Cultura e Comunicação Elias Mansour (FEM), vem se manifestando a favor da aprovação, no Congresso Nacional, do projeto de lei 1075/2020, ou PL de Emergência Cultural, que prevê a destinação de R$ 3,6 bilhões da União para estados e municípios investirem em ações de apoio ao setor durante o isolamento social, em decorrência da pandemia provocada pela Covid-19.

Esta terça-feira, 26, foi a data marcada para que a Câmara dos Deputados votasse o projeto. A bancada do Acre presente à sessão votou por unanimidade a favor da aprovação.

O presidente da FEM, Manoel Pedro Gomes, o “Correinha”, explica que procurou contatar cada um dos deputados federais do Acre para reiterar o interesse do governo na aprovação do projeto, o que, segundo ele, é uma medida essencial e extremamente importante para a cultura.

“Nós já havíamos nos manifestado favoráveis ao projeto de lei com a assinatura da carta elaborada pelo Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura. Mas também consideramos imprescindível o contato direto com cada um dos parlamentares que nos representam na Câmara dos Deputados, para que não restassem dúvidas do quanto considerávamos importante essa aprovação”, explicou.

O projeto de lei segue agora para o Senado Federal e pode garantir ainda um subsídio de R$ 3 mil a R$ 10 mil para espaços culturais e artísticos Foto: Edson Brunno

Segundo Correinha, os deputados foram muito atenciosos com a causa e se dispuseram a ajudar a cultura local de outras maneiras: “A deputada Perpétua Almeida já se encontrava em discussão pelo projeto quando a contatei. Além dela, Vanda Milani me garantiu que teríamos o seu voto a favor do projeto, e Alan Rick ficou ainda à disposição para que enviássemos possíveis propostas de emendas e sugestões. Isso demonstra que temos, na Câmara dos Deputados, uma bancada de parlamentares que luta, indistintamente, em causas que beneficiam a nossa cultura”, pontuou.

O projeto de lei segue agora para o Senado Federal e pode garantir ainda um subsídio de R$ 3 mil a R$ 10 mil para espaços culturais e artísticos, entre outras medidas emergenciais.

Agência/Acre

Câmara aprova PL que autoriza doação de merenda para família de alunos


Alimentos poderão ser distribuídos durante pandemia 

O projeto de lei que autoriza a distribuição dos alimentos usados na merenda escolar para as famílias dos alunos de escolas públicas com aulas suspensas em função da pandemia de covid-19 foi aprovado na noite de hoje (19) pelos deputados em sessão do plenário da Câmara. O texto segue para o Senado.

Segundo o texto aprovado pelos parlamentares, os alimentos comprados com recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) poderão ser distribuídos aos pais ou responsáveis dos estudantes das escolas públicas, comunitárias, confessionais ou filantrópicas de educação básica.

A distribuição dos alimentos deverá ser feita com o acompanhamento da Comissão de Alimentação Escolar (CAE), um órgão colegiado de caráter fiscalizador instituído no âmbito dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, composto por representantes do Poder Executivo, de trabalhadores da educação, de alunos, de entidades civis e de pais de alunos.

Enchentes

Os deputados também aprovaram uma medida provisória que libera R$ 892 milhões em créditos extraordinários para serem usados no socorro às vítimas de enchentes em janeiro. O texto segue para o Senado.

A MP destina os recursos para restabelecer serviços essenciais à população e reconstruir infraestrutura danificada. Cabe ao Ministério do Desenvolvimento Regional disponibilizar aos estados e aos municípios o auxílio às famílias afetadas.


Por Agência Brasil
Brasília
Com informações da Agência Câmara