CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Jogos Escolares: fases regional do Vale do Juruá e estadual não serão realizadas

As duas últimas fases dos Jogos Escolares no Acre, a fase regional Vale do Juruá e a fase estadual, não serão realizadas pelo Estado. O coordenador de Esportes da Secretaria de Estado de Esporte, Petronilo Lopes, o Pelezinho, confirmou na manhã desta quinta-feira (18), que não há recursos para o complemento das competições.
Coordenador de Esportes do Estado, Petronilo Lopes, o Pelezinho, explica cancelamento das últimas fases dos Jogos Escolares 2018 no Acre — Foto: Reprodução/TV Acre
Coordenador de Esportes do Estado, Petronilo Lopes, o Pelezinho, explica cancelamento das últimas fases dos Jogos Escolares 2018 no Acre — Foto: Reprodução/TV Acre
– É a última etapa. Se for olhar, 80% (dos Jogos) aconteceu. Praticamente todas as prefeituras ajudaram porque o repasse do Governo Federal caiu (foi reduzido) praticamente 100%. E mesmo assim, nós tivemos que fazer conversas com as prefeituras e fizemos todas as fases municipais, fizemos toda a fase regional, só ficou faltando essa de Cruzeiro do Sul, que é a fase do Juruá. No final de tudo a culpa disso é a questão da falta de recursos, grande parte do Governo Federal. Do governo estadual, até onde foi possível, foi colocado recurso – justifica.
Segundo o gestor, o Governo Federal cortou 87% dos recursos do estado do esporte para todo o país (no início deste ano). Em 2017, o custo integral da realização dos Jogos Escolares no Acre foi de R$ 1,5 milhão.
– Se não fosse a ajuda de todo mundo, inclusive das prefeituras, a gente não tinha feito nem a fase municipal. O Governo do Estado que, com muita responsabilidade, precisa fechar a sua folha de pagamento para repassar pro próximo governo, precisa agora debruçar do que tem. No ano passado fizemos os Jogos Escolares na sua totalidade com quase R$ 1, 5 milhão (até a compra das passagens para a fase nacional). Neste ano não tivemos nem um real, mas, mesmo assim, com muito esforço da nossa equipe e de parceiros, conseguimos chegar até onde chegamos. Infelizmente, a secretaria não tem nenhum real nem de A, nem de B, e nem de C – afirma.
Ofício sobre cancelamento das últimas fases do Jogos Escolares do Acre — Foto: Divulgação/SEEACOfício sobre cancelamento das últimas fases do Jogos Escolares do Acre — Foto: Divulgação/SEEAC
Ofício sobre cancelamento das últimas fases do Jogos Escolares do Acre — Foto: Divulgação/SEEAC
Pelezinho diz que representantes de modalidades como o xadrez se prontificaram em comprar as passagens para a fase nacional. Ele lamenta o cancelamento e espera que os próximos gestores vejam a educação e o esporte como prioridade.
– Que nossos parlamentares eleitos possam olhar pro esportes com suas emendas de bancada. Quero pedir desculpa, mesmo que eu não seja o culpado não tenho nenhuma dificuldade de pedir desculpa. Sem investimento não há possibilidade de fazer nada. Sem grandes recursos para o esporte e lazer, não é este governo e não vai ser o outro que vai fazer. Estivemos à frente 20 anos e pela primeira vez, numa crise institucional gravíssima nesse país, a gente teve que dizer não na reta final. Isso nos deixa muito triste. Precisa ter uma secretaria forte, mas não depende só do Estado. Depende, principalmente, de um Governo Federal compromissado. Isso passa pela educação. Um governo que tenha um olhar diferente para a educação, que seja educador, pode fazer muito mais pelo nosso estado – finaliza.
fonte: globo esporte

Nenhum comentário: