CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

A Luta de um pastor em defesa dos dependentes químicos de Tarauacá.

[DSCF0003.JPG]
Ednaldo (centro) ao lado de dois ex-presidiários que a igreja os acolheu e os recuperou para a vida

Enquanto as autoridades que detêm o poder político ignoram e tratam o assunto como questão não prioritária...

Enquanto os "homens ricos" de nossa cidade, que detêm o poder econômico, se preocupam apenas em aumentar suas riquezas e não investem como devem em criar fundações de amparo aos mais necessitados...

Enquanto o individualismo predomina como objetivo primeiro da grande maioria da nossa sociedade...

Enquanto nossos jovens e adultos se deixam consumir pelo vício da droga e do álcool e passam aumentar a estatística dos dependentes químicos de nossa cidade...

Um jovem pastor evangélico, líder de uma igreja em que seus frequentadores são em sua maioria jovens, busca incessantemente realizar um projeto que visa ajudar na recuperação dos dependentes químicos de Tarauacá.

Ainda conheço pouco o Pastor Ednaldo Espanhol. Mas, o suficiente para constatar a sua quase obsessão pela causa. Ele é incansável. Visita sempre o presídio em busca de levar uma palavra amiga aos presidiários. Ednaldo, quando jovem, teve problemas com o álcool que quase destroem sua família.

Há vários anos ele dedica seu tempo a cuidar de seu rebanho e já tentou buscar ajuda para desenvolver seu projeto em vários setores de governo e da sociedade. Muitas portas não se abriram. 

É muito difícil convencer as pessoas da importância da criação de um centro de recuperação de dependentes químicos. Elas sempre dizem que há outras prioridades.

O estado é laico e é muito difícil conseguir dinheiro público para que a própria igreja desenvolva seus projetos.

Ajudamos o pastor a criar uma associação beneficente. Criamos uma entidade e encaminhamos todo o processo de legalização. 

Hoje pela manhã, recebi uma visita do pastor Ednaldo com um semblante animado. Ednaldo esteve recentemente em Rio Branco e lá recebeu uma notícia animadora do representante de uma instituição pública.

Pode estar nascendo o primeiro centro de recuperação de dependentes químicos de Tarauacá. 

Ainda no Governo Binho Marques, o Deputado Moisés Diniz fez várias embaixadas junto à então Secretária Laura Okamura. Levou o pastor Ednaldo Várias vezes em Rio Branco, mas, não foi possível devido não existir uma entidade para firmar uma possível parceria.   

A atual Prefeita Marilete Vitorino, em reunião recente com membros da associação, se comprometeu em ajudar na luta da entidade.

Esperamos que dessa vez as coisas possam dar certo.

A gente só discrimina os dependentes químicos até o dia em que, alguém que amamos, se de deixa vencer pelo vício.

Um comentário:

M.Ramos disse...

Esse rapaz de camisa listrada era reeducando no Moacir Prado na época que trabalhei na unidade, quando o ser humano tem realmente vontade e busca ser uma pessoa melhor afirmo com toda certeza que ele alcança. parabéns jovem! lembro de vc sempre tranquilo respeitava não só os agentes como os companheiros que ali estavam reclusos.