CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

terça-feira, 2 de março de 2010

CÂMARA, PREFEITURA E SINDICATO FECHAM ACORDO E GREVE DOS SERVIDORES MUNICIPAIS É SUSPENSA

Bastou dois dias de greve dos servidores municipais e o retorno das sessões legislativas, para que Prefeitura e Sindicato dos Servidores Municipais chegassem a um entendimento.

Servidores comemoram a vitória

Servidores na Camara Municipal

"estou de luto, mataram 1/3 do meu salário"

Depois de 10 anos servidores conquistam um aumento salarial

Maria De Jesus vice Presidente do Simtar presente na negociação

No segundo dia de greve, os servidores municipais foram participar da primeira sessão legislativa do ano de 2010 da Câmara de Vereadores de Tarauacá e pedir apoio dos vereadores.
De forma pacífica, os servidores assistiram a reunião dos vereadores segurando cartazes pedindo que o prefeito cumprisse uma Lei Municipal que os reajusta seus salários. A Lei vinha sendo desrespeitada desde janeiro de 2009.

Servidores receberam o apoio de todos os vereadores

Após a sessão, os vereadores imediatamente convocaram as autoridades municipais para tentar uma solução para o impasse entre servidores e prefeitura.

Vereador Meleiro articulou a reunião

Destaque-se nesse processo, a articulação do Vereador Luis Meleiro que chegou ontem de Rio Branco e foi direto procurar o Secretário Ulineide e o Procurador Jurídico da Prefeitura o Doutor Lauro Borges de Lima Neto.

Procurador Jurídico Doutor Lauro Borges apresentou a proposta

O Procurador Dr. Lauro, foi participar da reunião em nome do Prefeito Wando e apresentou uma proposta para ser apreciada pelos vereadores, diretoria do sindicato e pelos servidores.
Na proposta o Prefeito se compromete, em documento assinado, a cumprir a Lei 669/2008 e ainda pagar os salários retroativos a janeiro e fevereiro

 (cópia do ofício).


CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Às 16 horas desta terça feira, a Presidente do Simtar Marnilsa Martins recebeu a proposta assinada pelo prefeito e apresentou aos servidores em assembléia realizada no início da noite. Os servidores decidiram suspender a greve e voltar ao trabalho. Marnilsa considera o movimento já vitorioso e afirma que os servidores voltam a trabalhar amanhã mas, vão continuar mobilizados.

Presidente Marnilsa lê o documento na assembléia

Foi muito importante o apoio dos sete vereadores presentes na sessão: Valdor do Ó, Lulú Neri, Luis Meleiro, Francisco Batista, Ezi Aragão, Manoel Monteiro e Raimundo Furtado. Edmar Rodrigues e Roberto Freire estão viajando e não participaram da sessão.

MARNILSA E DE JESUS: Duas Mulheres à frente do movimento

Nenhum comentário: