CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

terça-feira, 18 de agosto de 2020

Prefeituras e câmaras se adequam as regras eleitorais

O ano de 2020 não é marcado somente pela pandemia mundial do novo coronavirus, mas pelas mudanças que causou no cotidiano das pessoas.

No Brasil outro assunto em pauta, além do COVID-19 são as eleições municipais, que definirão novos parlamentares e chefes do executivo municipal.

Os municípios acreanos começam a apresentar nomes que serão levados como concorrentes majoritários de suas siglas partidárias. Essas mesas agremiações possuem dificuldades em montar suas chapas, pois muitos nomes já deixaram seus partidos ou não querem disputar por divergências internas.

Aos que já possuem mandato como prefeitos e vereadores terão a mesma dificuldade que os demais terão, pois com as restrições causadas pelo vírus, a maior parte, se não toda, terão que fazer campanha de forma online.

Só na capital acreana, cerca de nove nomes já se posicionaram que estarão disputando a prefeitura e seus correligionários a disputarem uma vaga das dezessete cadeiras na Câmara Municipal de Rio Branco.

Com mandatos em mãos, prefeitos e vereadores que sairão para uma reeleição, agora terão que mostrar todas as suas atividades já realizadas durante esses quatro anos, pois os canais oficiais e redes sociais institucionais foram desativados ou suspensos para evitar problemas com a justiça eleitoral.

Algumas ações podem ser acompanhadas pelos meios de comunicação que cobriram ou cobrem ações sem a participação dos candidatos.

Nenhum comentário: