CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

TARAUACÁ: Religião, visão, mensagens do além e candidatura de Néia Lima, a mulher do deputado Jesus Sérgio


A religião tem caminhos insondáveis. Pela primeira vez na história política de Tarauacá vamos ter uma candidata a prefeita, cuja a escolha não se deu por nenhum partido político, não surgiu da indicação de um cacique eleitoral, mas é fruto de uma visão religiosa. 

É o caso de Maria Lucinéia Neri de Lima, esposa do deputado federal Jesus Sérgio (PDT). 

Tudo começou, conta Lucinéia através de sua assessoria ao BLOG DO CRICA, com o que chama de visão profética de amigos missionários que profetizaram que Deus a queria candidata a prefeita. 

Não aceitou a ideia de imediato e foi buscar em dias de orações a autorização divina. 

Contou que findo este período teve a confirmação após falar com Deus que deveria ser candidata a prefeita de Tarauacá e resolveu aceitar como se fosse uma missão divina a ser cumprida. 

Lucinéia, a Néia – como é conhecida – é integrante dos movimentos católicos Renovação Carismática e Encontro de Casais com Cristo. 

Seus amigos dizem que é uma “mulher de orações”. 

Não é esta a primeira visão de Néia, já tinha profetizado que o seu marido Jesus Sérgio chegaria à Câmara Federal, quando poucos apostavam na possibilidade, isso depois dela ter uma visão que o via chegando na Câmara Federal. Jesus se elegeu pelo PDT. 

A grande prova de que de fato falou com Deus ou não e este lhe deu a missão de ser prefeita será na eleição do próximo ano quando sairá candidata. 

Terá que se eleger prefeita para de fato provar que a sua candidatura nasceu de uma inspiração divina. 

Os anjos dirão amém à profecia recebida por Néia? 

Quem vai dar esta resposta serão as urnas em 2020.

FATO PARECIDO

O fato é parecido com o da ministra dos Direitos Humanos, Damares, que disse ter conversado com Jesus trepada numa goiabeira. Religião é uma seara que não opino, respeito a liberdade.

Leia mais no Blog do Crica AQUI

Nenhum comentário: