CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

terça-feira, 29 de junho de 2010

Concurso do TRE-Acre: R$3.993 para nível médio

Estão abertas as inscrições do concurso para o Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC). A princípio serão oito vagas, sendo uma reservada aos portadores de deficiência, nos cargos de técnico e analista judiciários, a serem distribuídos pelos cartórios de todo o estado.
As oportunidades são para os níveis médio e superior, com remunerações de R$3.993,09 e R$6.551,52, respectivamente, incluída a gratificação de atividade judiciária (GAJ), para jornada de trabalho de 40 horas semanais. O regime de contratação será o estatutário, que garante a estabilidade na profissão.

Apesar do número inicial de vagas oferecidas ser pequeno, o presidente do TRE-AC, desembargador Arquilau de Castro Melo, manifestou o interesse na ampliação das vagas por meio de formação de cadastro de reserva: "No decorrer do prazo de validade do concurso chamaremos muito mais do que o previsto inicialmente para a composição desses servidores nos cartórios. E isso depende de lei a ser aprovada no Congresso Nacional", explicou.

Os interessados devem realizar as inscrições exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico da Fundação Carlos Chagas, organizadora, até o dia 2 de agosto. Na página, o candidato preencherá a ficha de inscrição e em seguida emitirá a guia de pagamento, cujo valor é de R$75 para técnico judiciário e R$85 para analista. Não serão aceitos pedidos de isenção da taxa de inscrição.

Concurso terá duas etapas
A seleção consistirá em duas etapas, sendo a primeira uma prova objetiva de 80 questões, com 30 abordando assuntos de Conhecimentos Gerais e 50 sobre Conhecimentos Específicos.

 Para chegar a aprovação, o participante deverá obter nota igual ou superior a 50% da totalidade das questões. A prova está marcada para o dia 5 de setembro em turnos matutino e vespertino nas cidades de Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Brasiléia e Tarauacá.
A segunda etapa, restrita àqueles que visam ao cargo de analista judiciário, de nível superior, consistirá na aplicação de uma prova discursiva, onde os concorrentes serão submetidos a uma redação sobre um tema relacionado a Conhecimentos Específicos.

A classificação final será definida através da soma dos resultados das duas provas. (Folha Dirigida)

Nenhum comentário: