CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Bolsa Família: atualização de dados pode evitar suspensão do benefício

Os beneficiários devem procurar a coordenação do programa na sua cidade e atualizar os dados para evitar
cancelamento do benefício (Foto: divulgação/internet)
Agência Acre - O Ministério do Desenvolvimento Social Agrário (MDSA) anunciou o corte do Bolsa Família para quase cinco mil acreanos. No estado 1.340 benefícios foram cancelados e outros 3.456 mil bloqueados. As contas foram canceladas por haver algum tipo de irregularidade. O MDSA realiza um pente-fino nos benefícios de todo o país o que levou ao bloqueio de 654 mil contas e 493 mil cancelamentos.

Segundo o diretor do Departamento de Controle do Bolsa Família no Acre, Ilde José de Paula, a situação é reversível, os beneficiários devem procurar a coordenação do programa na cidade em que moram e atualizar os dados do cadastro.

As famílias bloqueadas têm até o dia 7 de fevereiro para procurar o Bolsa Família do seu município, atualizar o cadastro e regularizar a situação. A diferença é que, no caso dos cancelamentos, elas serão visitadas pelos técnicos do programa. A partir do momento que não se constatar que houve irregularidades, o benefício vai ter o cancelamento revertido e o beneficiário volta a receber normalmente”, explicou.

Segundo o levantamento, Rio Branco foi a cidade com maior número de famílias com as contas bloqueadas e canceladas durante a ação. Foram 1.555 mil bloqueios e 601 cancelamentos. Cruzeiro do Sul teve 321 cartões bloqueados. Em Senador Guiomard o benefício foi cancelado para 106 famílias.

A cidade de Jordão foi a que teve menos cancelamentos do programa. Apenas quatro famílias tiveram as contas canceladas e 17 bloqueadas.

Nenhum comentário: