CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

BEM QUE TARAUACÁ PODERIA FAZER UMA PARCERIA COM O SENAI. NOSSA JUVENTUDE AGRADECERIA MUITO.

Cursos gratuitos: SENAI abre 120 vagas em março

Áreas de construção civil e madeira/móveis dão oportunidade de capacitação para jovens


O SENAI-AC, visando suprir a carência das indústrias acreanas e, ao mesmo tempo, inserir o público jovem no mercado de trabalho, desde 2009 passou a oferecer cursos gratuitos nas mais diversas áreas.
Em março, iniciam-se seis turmas gratuitas no Centro de Tecnologia da Madeira e do Mobiliário (Cetemm) e no Núcleo da Construção Civil, totalizando 120 vagas, nos cursos de carpinteiro telhadista, pintor de obras, instalador hidráulico e marchetaria com serragem. As inscrições já estão abertas e os interessados devem entrar em contato pelos telefones (68) 3901-4504 e 3901-4512, podendo ainda dirigir-se ao Cetemm, no endereço BR 364, KM 05, Lote 06, Setor 07, Distrito Industrial.
Com exceção do curso de marchetaria, os demais se iniciam no dia 9 e o pré-requisito é ter idade mínima de 18 anos e estar cursando no mínimo a 4ª série do ensino fundamental. O curso de marchetaria com serragem tem início marcado para o dia 15 e a idade mínima requisitada é de 14 anos, e também cursar, no mínimo, a 4ª série do ensino fundamental.

Matrícula aberta para curso pago de marchetaria básica

Além dos cursos gratuitos, está aberta a matrícula para o curso pago de marchetaria básica, que se inicia no dia 15 de março. São 20 vagas e as aulas acontecem das 18h às 22h. Para poder participar, exige-se idade mínima de 16 anos e estar cursando no mínimo a 5ª série ou ter concluído o ensino fundamental.
Cada vez mais requisitados, os setores da construção civil, madeireiro e mobiliário carecem de mão-de-obra capacitada e qualificada a fim de atender a uma demanda crescente e exigente no Estado. Somente no ano passado foram criados mais de 10 mil empregos e a previsão é de que em 2010 o ritmo continue a todo vapor nesses setores.

fonte: agência de notícias da hora

Nenhum comentário: