CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

domingo, 5 de fevereiro de 2017

TARAUACÁ: JOVENS DO BASQUETEBOL PROTESTAM CONTRA PREFEITURA DO MUNICÍPIO

Máquinas da prefeitura no local 
Um grupo de jovens de diferentes bairros da cidade usava um espaço de um prédio antigo e abandonado localizado no Bairro Avelino Leal, para a prática do basquetebol. Eles conseguiram ajuda e deram uma arrumada no local. Todos os dias, crianças e jovens estavam lá para praticarem o esporte, que na cidade é sempre esquecido pelos organizadores de campeonatos. A prioridade numero um é para o futebol e depois, o voleibol. 

No dia de ontem (sábado), homens da secretaria municipal de obras estivem no local para recolherem as paredes da velha construção para ser utilizada como material de aterro para os buracos em algumas ruas da cidade. Como a ação não foi discutida com os jovens para que se assegurasse o restabelecimento do local ou outro espaço para o esporte, o fato causou muita revolta nos garotos do basquete. 

A prefeita do município Marilete Vitorino disse que ficou sabendo do acontecido somente depois que o assunto se espalhou na cidade, mas, não fugiu da responsabilidade. "Temos que criar outra alternativa para esses jovens praticarem o esporte preferido deles", disse. De imediato mandou convidar os jovens para uma conversa, que deve acontece neste domingo e vai propor um novo local para que eles possam continuar praticando o esporte. 

No antigo local será feito um serviço de terraplanagem para a construção de uma creche municipal que vai atender a comunidade daquela região. 


O jovem Josian Neri postou na rede social Facebook a sua indignação. Leia abaixo n, na íntegra o que ele escreveu.

"Essa foto demonstra bem o que aconteceu, crianças vendo o seu lugar onde brincavam, onde jogavam, sendo destruído, sem motivo sensato, o apoio ao esporte parece que não existi, onde crianças e várias outras pessoas ( inclusive eu) usufruíram deste lugar para lazer, para jogar, algo que aqui em Tarauaca não tem o apoio ao basquete onde encontramos amigos, e ganhamos amigo jogando, e vão lá e destroem a quadra, onde nós mesmo cidadãos que fazíamos cota para limpeza, para pintar mos a quadra dentre outras coisas pois não obtivemos nenhum apoio de autoridade pública ou órgão público, as próprias pessoas que jogavam lá foram que levantaram o lugar, e aí chegam pessoas e fazem isso, uma tremenda calunia, falta de respeito e consideração por todo o suor e trabalho realizado para podermos jogar e repito sem auxílio algum de órgão público ou autoridade pública, tudo feito pela força de vontade dessas pessoas que queriam jogar basquete, e chegam lá e derrubam esse sonho.
Estou realmente indignado por isso não só porque eu ia jogar na Cobal todo os dias e mais por essas crianças que não terão mais um local para poderem se divirtir.

Nenhum comentário: