CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

TARAUACÁ: NOTA DE AGRECIMENTO E RECONHECIMENTO

É estranho e doloroso escrever esta nota de agradecimento. Mas acreditamos ser o correto.

Embora muitos digam que ao Estado nada devemos, pois o Estado, em sua natureza política, apenas cumpre com o dever de atender o cidadão, queremos, publicamente, expressar meu profundo e sincero agradecimento à equipe da Delegacia de Polícia Civil, do Quartel de Polícia Militar de Tarauacá e agentes penitenciários, que após diligências e constante trabalho de inteligência, empenho e dedicação chegaram ao assassino de Vando dos Santos Madeiros, apresentando-o com a certeza e comprovação de culpa.

O crime ocorreu no dia 23 de outubro de 2016. Um dia que seria marcado em nossas vidas como um momento de gratidão aos moradores da localidade denominada Igarapé Iboaçu, no Rio Muru. Havíamos anteriormente se deslocado a este mesmo local para apresentar minha proposta e projetos como candidata a vereadora, e após as eleições, numa demonstração de gratidão pelo reconhecimento e apoio recebido pelos amigos e moradores daquela localidade voltamos ali, para agradecer e nos colocar a disposição daquela comunidade. Naquele momento de confraternização, estava entre nós, Agnaldo de Freitas Soares, que até então o considerávamos parte do nosso ciclo de “amigos”, mas que nos surpreendeu com uma atitude visivelmente premeditada e fria, e de forma tão covarde tirou a vida de meu esposo Vando, utilizando-se de um terçado que teria escondido embaixo de uma canoa, tornando aquele que seria um dia de gratidão, confraternização, alegria e comemoração, em um dia de amargura, dor, aflição, desespero, sofrimento e luto.

Temos consciência de que a prisão do assassino não diminuirá a dor da saudade que toma conta do coração de todos nós que amamos o Vando, e nem tão pouco o trará de volta às nossas vidas, mas quando soubemos da prisão do assassino fomos imediatamente tomados pela sensação de justiça, pela forma tão cruel como ele foi tirado de entre nós. 

Não temos dúvidas de que a Justiça Divina será feita na vida dele, mas sabemos que o mesmo Deus que fará a Sua Justiça, também constituiu as autoridades na Terra, dentre os quais o Poder Judiciário, que também em cumprimento a um ensinamento divino e bíblico deve praticar a Justiça.

Não temos sede de vingança, mas de Justiça. Pois ser justo, não significa ser vingativo, não expressa falta de amor ao próximo e nem vai contra os preceitos bíblicos, como muitos equivocadamente pensam. A bíblia mesmo nos diz e ensina:

Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica a justiça é justo, assim como ele é justo. I Jo. 3:7”. 

E mais:

Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Deus." Versículo 10.

A morte de Vando, assassinado de uma forma tão covarde e fria, certamente mudou os rumos de nossas vidas de maneira inexorável. Mas não mudou nossa crença na Cidadania e na Justiça, com letra maiúscula, que sempre pautou nossas vidas e que tem sido repassada como ensinamento às nossas filhas. 

Cremos sim na Justiça Divina, mas não deixaremos jamais de acreditar também na Justiça Terrestre, por isso gostaríamos que nosso agradecimento fosse externado a todos os membros da equipe e da chefia da Delegacia de Polícia Civil, Quartel de Polícia Militar e agentes penitenciários. Pois estamos certos de que, a verdadeira polícia está ao lado do cidadão de bem.

Temos consciência de que a segurança não é feita apenas pela polícia. A segurança inclui educação, saúde, saneamento, iluminação, cuidado com o patrimônio público, cidadania e consciência individual. E isso tudo está em falta em nossa cidade.

É o empenho conjunto entre nós, sociedade civil, e a polícia que certamente contribuirá para a segurança de nossa cidade, ajudando a reduzir os índices de criminalidade. E nós, eternamente enlutados, estamos empenhados em fazer nossa parte e mostrar que é a participação dos cidadãos que mudará nossa realidade para melhor. 

Somos Vando para sempre

Veinha e Família

Nenhum comentário: