CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Tarauacá/Eleições2016: Candidatos falam de suas propostas na Rádio Comunitária Nova Era FM


Os candidatos a prefeitos (as) de Tarauacá foram recebidos nesta quinta-feira, 25, na Rádio Nova Era FM pelo radialista Raimundo Accioly para uma entrevista de vinte minutos com os três (duas mulheres e um homem) postulantes ao cargo. Durante esses vinte minutos os candidatos: Rodrigo Damasceno (PT), Teka Torquato (PR) e Marilete Vitorino (PSD) expuseram suas propostas aos eleitores e fizeram criticas indiretas aos adversários.


Rodrigo Damasceno 

Pelo sorteio, Rodrigo Damasceno (PT) foi o primeiro a ser entrevistado. O petista narrou sua trajetória de vida, falou do seu mandato e criticou a administração anterior e comparou os números de sua gestão com as anteriores. 

Trajetória e realização 

Damasceno disse ter se formado em medicina aos 21 anos, e aos 25 concluiu a pós-graduação em ginecologia. O candidato à reeleição fez um balanço de sua gestão: “Construímos três quadras cobertas e estamos entregando à quarta (em três anos construímos mais que os cem anos da história de Tarauacá); climatizamos todas as escolas urbanas da rede municipal; tiramos o município do SERASA (livrou o município das pendencias que impedia de receber recursos federias); Construímos ou reformamos postos de saúde em todos os bairros; construímos uma creche padrão MEC”.

Segundo mandato 

No tocante ao segundo mandato, caso seja reeleito, Rodrigo disse que será prioridade da sua gestão a construção de moradias populares no bairro da Conquista. Uma área de terra comprada pela prefeitura e planejada para o crescimento ordenado da cidade. Lá serão colocadas mais de 500 famílias que vivem em áreas de risco. O saneamento básico também será prioridade da gestão.

Crítica 

O petista também fez uma comparação da sua gestão com as gestões de suas adversárias, que já governaram direto ou indiretamente o município. “Recebemos a prefeitura com mais de sete milhões de dividas, realizamos concursos públicos, pagamos os trabalhadores com salários atrasados deixado pela administração anterior. A prefeitura tinha uma divida milionária de energia elétrica, com o INSS. Contudo, conseguimos sanar essas dividas ou renegociamos para poder receber recursos federais”. 


Teka Torquato 

A candidata do PR, Teka Torquato, foi a segunda a ser entrevista pela ordem do sorteio. A candidata iniciou sua fala agradecendo a Deus, falando de sua família e os motivos que fizeram com que ela entrasse na disputa. A republicana disse nunca ter sido política, apesar participar desde 1990 com seu irmão Wando Torquato (ex-prefeito) das eleições que ele concorreu. “Acompanho meu irmão desde 1990 quando ele tinha um sonho de governar Tarauacá, de ajudar os mais necessitados (chorou), e conseguimos, mas ele teve seu sonho interrompido”. 

Entrei nessa disputa a pedido do meu irmão, das lideranças do PR, do povo da zona rural- os mais necessitados que clamam pela volta do Wando, que sentem a falta dos subsídios que recebiam para o transporte, do apoio que tinham quando vinham à cidade-. 

A candidata disse que na qualidade de professora vai valorizar a classe, melhorar a saúde. E que contará com o apoio direto do seu irmão na gestão. 

Marilete Vitorino 

A ex-prefeita Marilete Vitorino (PSD) foi à terceira candidata a conceder entrevista. A ex-gestora iniciou sua fala saudando desde as comunidades indígenas ao homem do campo. Se pondo como uma mulher querida pela população e seu retorno à política é por conta dos inúmeros pedidos que recebeu dos colonos, dos presidentes de bairros para disputar a prefeitura novamente. “Apesar da minha família não querer que eu voltasse a disputar cargos políticos, eu atendi ao chamado do povo”. 

Campanha 

Marilete disse se o povo lhe conceder um novo mandato vai governar com transparência, honestidade e seriedade. “Nossa bandeira de campanha é governar com transparência (atualizando o Portal da Transparência mensalmente para que as pessoas saibam o que entra nos cofres da prefeitura e em que foi gasto), com honestidade e seriedade”. Vamos fazer um choque de gestão: “reduzir os cargos comissionados, fazer um estudo para reduzir o número de secretarias, realizar concurso com seriedade, e trabalhar com pessoas da terra. Temos pessoas qualificadas em Tarauacá, não precisamos importar ninguém para vir melhorar de vida aqui”.

Crítica 

Marilete afirmou que a saúde municipal vive um caos, “ falta médicos nos postos, falta material odontológico, uma pessoas para conseguir uma consulta precisa ir para fila às quatro horas da manha nos postos de saúde. E que todos os postos de saúde que foram entregues na gestão atual foram construídos com os recursos deixados pela gestão dela”. 

Plano de gestão 

A candidata disse que caso seja eleita vai construir a casa do talento da juventude, alugar um carro para transportar mulheres da maternidade para suas casas após o parto, criar a vila agrícola para que idosos possam trabalhar e se exercitarem, construirá casas populares com apoio dos senadores Gladson e Petecão. 

Debate 

Rodrigo Damasceno e Marilete Vitorino pediram a realização de um debate promovido pela Rádio Nova Era. 

Por Leandro Matthaus 
Blog Tarauacá Agora

Nenhum comentário: