CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Moisés Diniz denuncia multas abusivas e propõe Termo de Ajuste de Conduta



O líder do governo, Moisés Diniz (PC do B), fez uma junta de todas as multas aplicadas na Reserva Extrativista do Alto Tarauacá, e entrará com uma  denuncia no Ministério Publico Federal (MPF), do que ele classificou de “multas abusivas do Instituto Chico Mendes” e propôs que o IMAC intermedeie um acordo entre as partes.
“A maioria das áreas desmatadas são anteriores à criação da reserva ou se deram em áreas de capoeira, aonde existia pasto antigo. O que aconteceu é uma agressão contra pobres moradores de uma reserva e nós vamos tomar as providências”, afirmou o líder do Governo.
Segundo Diniz, o desconhecimento da realidade e da vida dos produtores de subsistência, impede uma análise jutas por parte dos fiscais do ICMBio. O deputado levará o problema ao conhecimento da bancada federal do Acre, para que os parlamentares possam encampar a luta dos produtores rurais do Estado, contra as injustiças dos órgãos ambientais.
Diniz está enviando ao Jordão um advogado para que este entre com recurso contra as multas até que seja realizado o Termo de Ajuste de Conduta (TAC), para que as multas possam ser negociadas e extintas através de uma negociação que envolve o Instituto de Meio ambienta do Acre (Imac).
“Os órgãos de meio ambiente do Acre vão intermediar uma proposta de acordo, um Termo de Ajuste de Conduta, que leve à extinção dessas multas vergonhosas e se constitua um grupo de trabalho para avaliar a situação social e ambiental da reserva”, concluiu.
Ray Melo, da redação de ac24horas – raymelo.ac@gmail.com

Nenhum comentário: