CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Juiz declara delegacia de Tarauacá imprópria para funcionamento


29/01/2009 - 08:55

Pela segunda vez em menos de um ano a delegacia geral de Tarauacá é reprovada pelo Juiz de Direito da Comarca de Tarauacá-AC, Romário Divino Faria. No início desta semana ele realizou uma espécie de inspeção e constatou o abandono em que se encontra o prédio policial.Segundo o relatório do juiz, “há problemas tanto nas instalações prediais como de dotação de pessoal, de forma que, mesmo sendo a 4ª Comarca do Estado, não há sequer um delegado de polícia que atue diretamente, sendo necessário o delegado responsável pela delegacia de Feijó-AC se deslocar ao município para que resolva situações mais complexas”.

Ainda segundo o relatório, além de perda de vários inquéritos policiais, a delegacia é famosa pelas constantes fugas de presos. Nos últimos dois anos 20 presos deixaram o presídio sem autorização judicial. “A situação chegou ao extremo de ter que ser determinada a realização de busca e apreensão na delegacia visando a recuperação de dinheiro que fazia parte de inquéritos policiais que haviam desaparecidos”, relata o juiz.

O Magistrado ressalta ainda em seu relatório que tal situação encontra-se insustentável, carecendo de medidas imediatas para sanar os problemas detectados, sob pena de agravamento da situação.

Ao término da última visita o Juiz determinou que fosse elaborado relatório circunstanciado, com registro fotográfico, e encaminhado às autoridades competentes para que tomem as providências cabíveis, inclusive ao governador, já que anteriormente foi encaminhado ofício ao Secretário de Segurança Pública cientificando-o da situação e até a presente data nada foi feito para sanar as irregularidades. Determinou também o encaminhamento de cópia do relatório ao Ministério Público para providências cabíveis, considerando que a instituição exerce o controle externo da atividade policial.

Pelo relato do Dr. Romário Divino a delegacia geral de Tarauacá virou um caso de policia.

Da redação ac24horas
Com informações da Assessoria de Gabinete do Juiz

Nenhum comentário: